MENU

10 de julho de 2019 - 21:57International GT Open

GT Open retorna à Áustria com 25 carros

IMG_6167

Após treinos em Brno, na República Tcheca, a Senkyr Motorsport reaparece no International GT Open e seguirá até o fim da temporada com Beitske Visser e Richard Gonda, na volta da BMW M6 GT3 à categoria

RIO DE JANEIRO – Três anos se passaram desde a última prova disputada na Áustria e o International GT Open está de volta ao Red Bull Ring para a quarta rodada dupla da temporada 2019.

A competição de Grã-Turismo traz novidades e um grid de 25 carros é previsto para as corridas que serão disputadas sábado e domingo – respectivamente com duração de 70 e 60 minutos. A prova #2 será inclusive a de número #200 da história da categoria.

A BMW será finalmente representada na temporada após o acordo entre a equipe tcheca Senkyr Motorsport e o departamento de competições de Munique, promovendo a organização de Robert Senkyr a time cliente de fábrica. Com isso, receberam também a piloto júnior da marca bávara,  a holandesa Beitske Visser, que estará no carro inscrito com o numeral #3 junto ao eslovaco Richard Gonda.

Por outro lado, a lacuna por conta das ausências da Sports & You, da Winward Racing e da GetSpeed Performance, sem contar a Petri Corse, que apareceu em Paul Ricard e depois sumiu, é preenchida com a volta da Olimp Racing ao grid e seus prometidos Audi R8 LMS EVO para Stanislaw Jedlinski (correndo sozinho) e Marcin Jedlinski/Mateusz Lisowski.

Outras novidades são a participação de Jonathan Adam no regresso da Optimum Motorsport ao certame: a equipe britânica optara por participar da Silverstone 500 do British GT, após o primeiro pódio em Hockenheim, com Darren Turner naquela oportunidade ao lado do titular Ollie Wilkinson. A Vincenzo Sospiri Racing promove a estreia do finlandês Tuomas Tujula no lugar de Kang Ling. Ausente em Spa, dando lugar a Michael Meadows na última etapa, Alessio Rovera retorna para andar ao lado de Daniel Zampieri, pela Antonelli MotorSport.

Até agora, a despeito das quatro vitórias em seis corridas conquistadas pela Emil Frey Racing, que neste ano está de Lamborghini Huracán GT3 EVO, a liderança é de Martin Kodric/Henrique Chaves: a dupla da Teo Martín Motorsport conta com muita regularidade para comandar a tabela com 52 pontos. Eles têm três pódios e dois segundos lugares como melhores resultados. Andrés Saravia/Fran Rueda venceram duas, mas estão apenas em 5º lugar, com 40.

Os brasileiros Marcelo Hahn e Allam Khodair não têm tido uma boa temporada: com apenas quatro pontos somados, ocupam o 20º lugar na classificação geral. Na subclasse Pro-Am, estão em nono e décimo lugares, já que Khodair não disputou a rodada de Spa – foi substituído por Ben Barnicoat naquela ocasião. A liderança é de Tom Onslow-Cole/Valentin Pierburg, que têm 36 pontos contra 26 de Frederik Scharndorff/Kang Ling.

Alexander Hrachowina/Martin Konrad, que trabalham com Bernd Schneider como “coach”, perderam a invencibilidade mas não a liderança na subclasse Am. Com 24 pontos, a dupla da HTP Motorsport-Mann Filter tem oito pontos de vantagem para Davide Roda e Giuseppe Cipriani, que correm em separado. Além deles, a prova da Áustria terá Stanislaw Jedlinski para brigar por pontos.

O schedule do fim de semana prevê a prova #1 do GT Open largando sábado às 10h25 de Brasília (15h25 locais), enquanto a prova #2 será domingo a partir de 9h30 de Brasília (14h30 no Red Bull Ring). Tudo ao vivo aqui no blog, como sempre.

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *