Para quem não viu: 24h Series, 24h de Barcelona

P

RIO DE JANEIRO – Há algumas semanas, aconteceu mais uma edição das 24h de Barcelona, prova integrante do calendário da 24h Series powered by Hankook. Foi o penúltimo evento organizado pela Creventic no ano e o derradeiro em território europeu, já que o calendário nos mostra que a última etapa será no COTA, em Austin, no mês de novembro.

A prova da Catalunha foi disputada por 46 carros, apresentando um nível técnico considerado alto – já que desse total, somente onze tripulações não viram a bandeira quadriculada. No total, 38 receberam classificação, por terem cumprido pelo menos 75% da distância dos vencedores das categorias em disputa.

Com o Lamborghini Huracán GT3 EVO #77, a Barwell Motorsport venceu a prova após completar 690 voltas pelos 4,655 km do traçado, com o quarteto formado por Adrian Amstutz/Leo Machitski/Patrick Kujala/Dennis Lind, com apenas 10″481 de vantagem para o Porsche da Herberth conduzido por Sven Müller/Ralf Böhn/Daniel Allemann/Robert Renauer.

Outro Porsche, este da GPX Racing e guiado por Stuart Hall/Ben Goethe/Jordan Claus Grogor/Jean-Pierre Valentini/Nicky Pastorelli, fechou o top 3 a oito voltas dos vencedores. A Herberth venceu na A6-AM com o carro que terminou a disputa em quarto, conduzido por Edward Lewis Brauner/Stefan Aust/Vincent Kölb/Zeljko Drmic/Klaus Bachler.

Nas demais classes, destaque para o top 10 conquistado pelo KTM X-Bow alinhado pela True Racing para Laura Kraihamer/Sehdi Sarmini/Ferdinand Stuck/Johannes Stuck – estes dois últimos, filhos de Hans-Joachim Stuck, antigo piloto de Fórmula 1 e duas vezes campeão das 24h de Le Mans pela Porsche – e netos do Barão Von Stuck, lendário piloto austro-alemão que correu no Brasil no Circuito da Gávea, o famoso “Trampolim do Diabo”. O quarteto do carro #216 chegou num ótimo nono lugar.

A corrida de Barcelona teve presença brasileira: o catarinense Kreis Jr. disputou a prova com um Porsche 991-II Cup dividido com Alex Autumm, Andreas Gülden, Hendrik Von Dannwitz e Jukka Honkavuori – portanto, três alemães e um finlandês. Não obstante a diferença de idioma, houve alguns problemas ao longo da disputa, mas o quinteto conseguiu completar a prova em 19º na geral e quarto na classe 991, exclusiva dos modelos Porsche Cup, entre seis inscritos.

Outra novidade da corrida foi a estreia do Ligier JS 2 R, o novo carro esporte produzido com o nome de “Oncle” Guy Ligier pela Onroak Automotive e inscrito pela Nordscheleife Racing. Inscrito na SP4, completou 510 voltas e terminou em 34º lugar na geral.

Mesmo terminando apenas em 10º na geral, a equipe tcheca Bohemia Energy Racing with Scuderia Praha levou o título da 24h Series no Campeonato Europeu – com cinco etapas em Mugello, Spa-Francorchamps, Brno, Portimão e Barcelona – somando um ponto a mais que a Herberth Motorsport na classificação final. Na divisão TCE, ganhou a Autorama Motorsport by Wolf-Power Racing, lembrando que, para fazer jus à briga pelo título, as equipes tinham que disputar um mínimo de duas etapas, com o descarte do pior resultado válido.

Para a corrida final da temporada, as 24h do COTA, estão aguardados mais de 50 carros, de acordo com o site da Creventic.

Confira a íntegra da etapa da Catalunha nos vídeos abaixo.

Sobre o Autor

Rodrigo Mattar

Adicione um Comentário

Reclames

Perfil

Rodrigo Mattar, carioca de 49 anos. Apaixonado por automobilismo desde os nove, é jornalista especializado em esportes a motor desde 1998. Estagiou no Jornal do Brasil e numa assessoria de comunicação antes de ingressar na Rede Globo. Em 2003, foi para o SporTV, onde foi editor dos hoje extintos programas Grid Motor e Linha de Chegada. No mesmo ano, iniciou sua trajetória como comentarista, estreando numa transmissão de uma corrida de Stock Car, realizada no saudoso Autódromo de Jacarepaguá. Há sete anos, está no Fox Sports, atuando como editor responsável do programa Fox Nitro e comentarista de diversas categorias, entre as quais Rali Dakar, Nascar, MXGP, WTCC, WRC, FIA WEC, IMSA, Fórmula E, WTCR e Superbike Series Brasil. Conduz o blog A Mil Por Hora, agora no GRANDE PRÊMIO, desde 2008.

Arquivos

Categorias

Nuvem de Tags

Twitter

Reclames

Facebook

Mais reclames