MENU

3 de outubro de 2019 - 11:1024 Horas de Le Mans, IMSA

Finalmente: eis o Corvette C8.R

Rompendo conceitos: o novo Chevrolet Corvette de competição tem motor central-traseiro

RIO DE JANEIRO – De surpresa, a Corvette lançou ontem o modelo C8.R de competição que estreia em 2020, possivelmente nas 24h de Daytona, abertura da temporada do IMSA Weathertech SportsCar Championship.

O carro vinha sendo testado com camuflagens, mas as linhas já davam uma ideia do que viria pela frente. É o primeiro modelo do construtor dos EUA que rompe com todos os conceitos até então utilizados nos seus modelos de rua e pista.

Enquanto o modelo conversível da marca era apresentado no Kennedy Space Center, em Cabo Canaveral, na Flórida, de repente foi revelado o mais novo competidor das classes de Grã-Turismo.

O C8.R – diferentemente dos seus antecessores, começando lá em 1999 com o C5.R – é dotado de motor central-traseiro (possivelmente, o motor deve continuar V8 aspirado 5,5 litros), seguindo a tendência da maioria dos concorrentes. Pois se até a Porsche jogou fora uma tradição de décadas ao abandonar o conceito do motor atrás do eixo traseiro, porque os ianques não poderiam fazer algo diferente?

Ainda não há confirmação oficial, mas tudo indica que o Corvette C8.R terá ainda o motor aspirado V8 5,5 litros que equipa o modelo que se despede das pistas no próximo dia 12 de outubro

Há quem diga que o novo Corvette perdeu a essência de ‘muscle car’ que seus antecessores carregavam. Não deixa de fazer um certo sentido. O conceito e a aparência, claro, dividem opiniões. Muitos gostaram, outros não.

Para 2020, os dois carros terão visual diferente nas pistas. O #3 será todo amarelo e o #4, como na foto, vai prateado com detalhes em amarelo. A Corvette Racing ainda não definiu o lineup para o próximo ano, mas é certo que o veterano Jan Magnussen não retorna como piloto titular. Seu contrato, ao que consta, não será renovado e Jordan Taylor pode assumir o posto.

9 comentários

  1. Marcos Ferreira disse:

    Comparo o novo layout do Corvette como se fosse um técnico que assume um time de futebol após defender por muito tempo o maior rival. É só começar a vencer e dar um título que ninguém mais vai se importar. O importante é ser vencedor.

  2. Alan Ambrosini disse:

    “Muscleloso” ou não, aparência raiz ou nutella, não importa onde o V8tão estará, a alma continuará rugindo sinfonicamente aos nossos olhos e ouvidos.

    Lindo, simplesmente magnifico!

  3. romulo dias disse:

    É maravilhoso!
    Lindo!
    Um “T” de carro! Espero que o motor continue o V8 com aquele som de trovão!

  4. Antonio Vidal disse:

    Que ferrari LINDA!

  5. Black Metal Engineering disse:

    Interessante notar o quão moderno o Ford GT – que estreou em 2016 – parece quando comparado ao novo Corvette.

  6. robson disse:

    mau posso esperar para ver esse carro andando no winter test em sebring.

  7. Fernando Silva disse:

    Nao sei por que, a traseira lembra até um pouco os antigos Corvette DP da Grand Am/Rolex Sports Car…no geral, eu gostei mas, algo me diz que nao vamos gostar tanto de ouvir quanto gostamos de ver…se é que me entenderam…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *