MENU

12 de novembro de 2019 - 13:35DTM, Super GT

Fuji Dream Race: 22 carros confirmados

A imagem acima é da exibição que marcou o início da parceria entre DTM e Super GT, no circuito japonês de Motegi, ano passado. Agora, as duas categorias vão dividir a pista de Fuji para um evento extra, com a presença de cinco marcas e 22 carros

RIO DE JANEIRO – O “crossover” de regulamento entre Super GT e DTM renderá os primeiros frutos daqui a alguns dias. A Fuji Dream Race, corrida extracampeonato que reunirá carros das competições nipônica e europeia tem confirmados 22 carros para o evento marcado para 23 e 24 deste mês no Fuji Speedway.

As corridas serão realizadas com duração de 55 minutos, com obrigatoriedade de troca de pneus, apenas – e uma tolerância de mais três voltas em caso de intervenção do Safety Car.

Não haverá reabastecimento, troca de pilotos, uso do DRS (artefato permitido no DTM) e push to pass (que também existe somente no DTM). Todos os carros vão usar os pneus Hankook do composto Ventus.

Dos construtores envolvidos no DTM, vão apenas Audi e BMW. A R-Motorsport decidiu não enviar nenhum Aston Martin, o que faz um certo sentido. A temporada não foi positiva para a equipe e é necessário desenvolver melhor o carro.

Pela Audi, vão dois campeões do DTM e outros dois que conhecem bem o automobilismo nipônico, com sucessos no Super GT – o campeão de 2010 Loïc Duval e o de 2008, Bénoit Tréluyer.

O dorsal de Duval na Fuji Dream Race será o #28 e Tréluyer usará o #21.

Mike Rockenfeller, campeão do DTM em 2013, está inscrito com o número #99, enquanto o bicampeão René Rast vai com o #33.

Os três pilotos eleitos pela BMW são Marco Wittmann no #11, Kamui Kobayashi com o #00 e a lenda Alessandro Zanardi, com o #4 – seu icônico número do bicampeonato na Fórmula Indy entre 1997 e 1998.

Dos 15 carros do Super GT, 13 serão revezados por dois pilotos – cada um correndo uma prova do Fuji Dream Race. No #1 do Team Kunimitsu, Naoki Yamamoto vai andar nas duas provas – Jenson Button tem outros compromissos e, ademais, o britânico já se despediu na última etapa em Twin Ring Motegi.

O Honda #17 terá apenas Koudai Tsukakoshi – Bertrand Baguette, o outro piloto, está escalado para as 9h de Kyalami, última etapa do Intercontinental GT Challenge.

Falando em despedidas, o modelo Lexus LC500 faz enfim suas últimas corridas. Em 2020, a Toyota promove o retorno do Supra às pistas.

Veja abaixo a lista completa para o Fuji Dream Race:

#00 KAMUI KOBAYASHI
BMW

#1 NAOKI YAMAMOTO
Honda

#3 FRED MAKOWIECKI (S)/KOHEI HIRATE (D)
Nissan

#4 ALESSANDRO ZANARDI
BMW

#6 KENTA YAMASHITA (S)/KAZUYA OSHIMA (D)
Lexus

#8 TAKUYA IZAWA (S)/TOMOKI NOJIRI (D)
Honda

#11 MARCO WITTMANN
BMW

#12 DAIKI SASAKI (S)/JAMES ROSSITER (D)
Nissan

#16 HIDEKI MUTOH (S)/DAISUKE NAKAJIMA (D)
Honda

#17 KOUDAI TSUKAKOSHI
Honda

#19 SHO TSUBOI (S)/YUJI KUNIMOTO (D)
Lexus

#21 BÉNOIT TRÉLUYER
Audi

#23 RONNIE QUINTARELLI (S)/TSUGIO MATSUDA (D)
Nissan

#24 JANN MARDENBOROUGH (S)/MITSUNORI TAKABOSHI (D)
Nissan

#28 LOÏC DUVAL
Audi

#33 RENÉ RAST
Audi

#36 YUHI SEKIGUCHI (S)/KAZUKI NAKAJIMA (D)
Lexus

#37 NICK CASSIDY (S)/RYO HIRAKAWA (D)
Lexus

#38 YUJI TACHIKAWA (S)/HIROAKI ISHIURA (D)
Lexus

#39 YUICHI NAKAYAMA (S)/HEIKKI KÖVALAINEN (D)
Lexus

#64 TADASUKE MAKINO (S)/NARAIN KARTIKHEYAN (D)
Honda

#99 MIKE ROCKENFELLER
Audi

Compartilhar

3 comentários

  1. Carlos Brandão (Goiânia) disse:

    Para quem acompanhava a DTM na década de noventa com variadas marcas, sendo narradas pelo Edgar Melo Filho, essas duas corridas serão um deleite!
    Basta saber quem transmitirá.

    • Rodrigo Mattar disse:

      Espero que seja disponibilizada num canal de YouTube. O problema é está etapa ser no Japão e o Super GT não tem corridas disponíveis ali desde o fim do ano passado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *