MENU

27 de novembro de 2019 - 16:3424 Horas de Le Mans, Cinema

Merveilleuse!

RIO DE JANEIRO – Eram onze e pouco da noite de ontem e pinga mensagem do Flavio Gomes no WhatsApp: “Já viu isso?”

Ele me mandava um print de um curta metragem sobre as 24 Horas de Le Mans de 1955 – a maior tragédia da história do automobilismo, com 83 vítimas.

As personagens são Pierre Levegh, John Fitch e Alfred Neubauer – integrantes da equipe Mercedes-Benz. Não foi difícil identificar.

Trabalho primoroso em todos os sentidos. Um roteiro sensível, fotografia impecável, animação espetacular.

Em tempo: o curta-metragem de Quentin Bailleux já concorreu em vários festivais – foi premiado em St. Louis –  e é elegível ao Oscar.

Como Kobe Bryant venceu em 2018 com seu “Dear Basketball” (um poema do antigo craque do LA Lakers que virou curta de animação), ver “Le Mans 1955” triunfar seria demais para o esporte.

Em tempo: brevemente o blog fará um post sobre John Fitch.

Compartilhar

1 comentário

  1. Antonio Seabra disse:

    Animação muito bem feita,
    A estoria ? é um curta, conta o essencial.
    Só que, pra mim, fez falta mostrar a dinâmica do acidente.
    Pelo que me lembro, a decisão de se retirar da corrida não foi de Neubauer, mas sim da cúpula da MB. Não me agrada esse tipo de omissão.
    Um bom curta, mas falta alguma coisa.

    Valeu por ter trazido, Rodrigo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *