MENU

12 de novembro de 2019 - 17:37Rallycross, Vídeos

Para quem não viu: FIA World RX Championship, etapa de Cape Town (10/10)

RIO DE JANEIRO – Hora do blog trazer a íntegra da decisão do FIA World RX Championship, o Mundial de Rallycross, que terminou domingo em Cape Town, na África do Sul.

Uma decisão de título resolvida por detalhes – ou melhor, pelo número de vitórias, que deu a Timmy Hansen o troféu da temporada 2019 após 10 etapas disputadas.

O sueco de 27 anos, em sua sexta temporada na categoria, finalmente atingiu o status de número #1 da modalidade, ao terminar o campeonato com quatro vitórias – Espanha, Grã-Bretanha, França e Letônia. Somou 211 pontos – o mesmo total do norueguês Andreas Bakkerud, bem mais regular que o adversário.

Porém, Bakkerud, embora tenha alcançado o 2º lugar na África do Sul, não fez o bastante para superar Hansen, que na última etapa fechou no quarto posto. Não fosse por isso, mesmo com apenas um triunfo alcançado na etapa do Canadá, em Trois-Rivières, e o título teria mudado de mãos.

Mesmo ausente em duas etapas, o finlandês Niclas Grönholm foi o único piloto além de Timmy Hansen a vencer mais de uma etapa do FIA World RX – inclusive a última, que o deixou em quarto na tabela, atrás do irmão mais novo de Timmy, Kevin Hansen.

Na RX2, nenhuma surpresa: o sueco Oliver Eriksson, já virtual campeão antes da etapa final em Cape Town, venceu e chegou pela sexta vez ao topo do pódio. Só o vice, Ben-Phillip Gundersen, da Noruega, ganharia mais duas provas de um total de oito disputadas em 2019. O finlandês Jesse Kallio fechou o top 3 só de nórdicos na competição.

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *