MENU

2 de novembro de 2019 - 13:07Super GT

Pole da Tom’s na última do Super GT

A dupla formada por Yuhi Sekiguchi/Kazuki Nakajima levou a melhor em Twin Ring Motegi e fez a pole para a decisão do Super GT

RIO DE JANEIRO – Nesta madrugada de sábado para domingo, teremos no Japão a decisão da temporada 2019 do Super GT em Twin Ring Motegi. Prova de apenas 250 km de percurso – tiro curto e muita urgência, principalmente para quem disputa o título.

Além de tudo haverá o desafio de uma pista engarrafada com o tráfego, pois serão 44 carros pelos 4,801 km do circuito misto – de propriedade da Honda.

Que não só não tem nenhum carro na briga pelo título da GT500 como viu outro Lexus conquistar a pole, na despedida desse modelo das pistas.

O carro #36 do au Team Tom’s, guiado por Yuhi Sekiguchi e Kazuki Nakajima assegurou o melhor tempo do Q2 com 1’35″964, somente 0″033 melhor que o #6 dos líderes do campeonato Kazuya Oshima/Kenta Yamashita.

A definição do grid tirou de esquadro a tripulação que ainda tinha chances retóricas de ir para a decisão: o Nissan #23 de Ronnie Quintarelli/Tsugio Matsuda, único com Michelin a avançar na briga pela pole, precisava do ponto extra para se manter com alguma chance – desde que os rivais à frente na batalha quebrassem na disputa, é claro.

Não deu: a dupla da Motul Autech Nismo larga da P3 no grid, ao lado de Ryo Hirakawa/Nick Cassidy, os rivais diretos de Oshima/Yamashita em Twin Ring Motegi.

O melhor Honda do grid é o de Koudai Tsukakoshi/Bertrand Baguette, com o 5º tempo, enquanto Jenson Button – que não avançou para o Q2, classificou-se com o 11º lugar em sua prova de despedida da categoria e do número #1 que passará a outro competidor em 2020.

Na GT300, o McLaren 720S da equipe McLaren Customer Racing Japan levou a primeira pole de um modelo do construtor britânico em muitos anos: Álex Palou/Seiji Ara vão liderar o enorme pelotão de 29 carros, com o novo recorde da pista para a categoria – 1’45″907.

A dupla Kazuki Hiramine/Sacha Fenestraz obteve o segundo posto com o Nissan da equipe Realize Advan Kondo, seguidos por Naoya Gamou/Togo Suganami (Leon Pyamid Mercedes-AMG) e Katsuyuki Hiranaka/Hironobu Yasuda (Gainer Tanax Nissan).

Líderes do campeonato, Nirei Fukuzumi/Shinich Takagi largam do quinto lugar com o Honda NSX-GT3 EVO da escuderia ARTA, do antigo piloto de Fórmula 1 Aguri Suzuki. A dupla rival da K-Tunes LM Corsa, formada por Sena Sakaguchi/Morio Nitta larga apenas da décima-sétima posição.

O Aston Martin da D’Station Racing infelizmente não avançou para o Q2, ficando no meio do caminho com Tomonobu Fujii alcançando apenas o 20º tempo de sua classe.

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *