MENU

11 de novembro de 2019 - 22:35Rali

Sem Rali da Austrália

Sem condições: com o Rali da Austrália cancelado, a Hyundai leva o título mundial de Construtores, que seria decidido contra a então campeã Toyota

RIO DE JANEIRO – A temporada de 2019 do Mundial de Rali chega ao fim uma etapa antes do previsto. Já limado do calendário do próximo ano, o Rali da Austrália está oficialmente cancelado – a notícia saiu nesta noite de segunda-feira no Brasil, início da manhã de terça na Oceania.

Os rumores sobre o cancelamento do evento eram crescentes ao longo do dia. A razão para a decisão tomada foram as violentas queimadas que se alastraram no país, na região de Coffs Harbour (Nova Gales do Sul), onde aconteceria a última prova do WRC.

Os organizadores da etapa e os promotores do campeonato se debruçaram diante de alternativas e tinham rascunhado como plano B um evento mais enxuto, com menos etapas. Mas prevaleceu o bom senso e as equipes, que cobravam de forma enérgica uma decisão, foram atendidas e os títulos estão agora selados.

Inclusive o de Construtores – que ficou com a Hyundai, por margem de 18 pontos sobre a então campeã Toyota.

O Rali da Austrália teria 26 carros competindo pelos pontos do Mundial e outros sessenta do campeonato local. Seria também a etapa de despedida de Ott Tänak da Toyota – irônico que a última corrida do estoniano pela marca japonesa seja, agora, a última válida pelo campeonato, quando enfim tornou-se campeão.

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *