Para quem não viu: Super TC 2000, etapa #1 em Buenos Aires

P

RIO DE JANEIRO – Sim, povo que acessa o blog! As corridas na vizinha Argentina também voltaram e com elas os vídeos aqui no A Mil Por Hora. A abertura da temporada 2020 do Super TC2000 foi disputada no circuito #8 do Autódromo Oscar y Juan Gálvez, em Buenos Aires, na semana passada.

E o grid de 23 carros (bom número de competidores, aliás) contou com a presença de ninguém menos que Rubens Barrichello, que fez o 18º posto na corrida classificatória da véspera e na final chegou num excelente 8º posto a bordo de um Toyota. E tenho quase certeza que esta foi a primeira experiência do corecordista de participações na Fórmula 1 com um carro de tração dianteira.

Os demais representantes da marca na corrida foram Matías Rossi – que neste ano também está na Stock Car – Julián Santero, Caíto Rissati e Valentín Aguirre.

A vitória, após 33 voltas, foi do Chevrolet Cruze guiado por Agustín Canapino, com Rossi em segundo a apenas um décimo do rival. Santero foi o 3º colocado, seguido por Facundo Ardusso, Risatti e Berni Llaver. O atual campeão Leonel Pernía chegou apenas em 17º lugar.

Acompanhem a corrida na íntegra da transmissão do canal Carburando.

Sobre o Autor

Rodrigo Mattar

6 Comentários

  • Rodrigo, sabe se transmitem ao vivo as corridas?

    Queria que tirasse uma dúvida minha. A Stock até o ano passado era um chassi tubular com uma bolha de fibra. Haviam anunciado para este ano o uso do monobloco, mas pelo que eu entendi continua sendo chassi tubular com a parte da lataria do carro presa no chassi, portanto não tem monobloco. Carros de corrida com monobloco são os nossos regionais de turismo e a não tão antiga mas extinta Copa Petrobras de Marcas.

    Como são os carros da Super TC2000?

  • Rodrigo, o Rubens andou de Brasileiro de Marcas, se não me engano de Renault Fluence, e acho que a tração era dianteira, até mesmo porque os motores do Marcas eram do Oreste Berta, salvo engano.

Por Rodrigo Mattar

Reclames

Perfil

Rodrigo Mattar, carioca de 49 anos. Apaixonado por automobilismo desde os nove, é jornalista especializado em esportes a motor desde 1998. Estagiou no Jornal do Brasil e numa assessoria de comunicação antes de ingressar na Rede Globo. Em 2003, foi para o SporTV, onde foi editor dos hoje extintos programas Grid Motor e Linha de Chegada. No mesmo ano, iniciou sua trajetória como comentarista, estreando numa transmissão de uma corrida de Stock Car, realizada no saudoso Autódromo de Jacarepaguá. Há sete anos, está no Fox Sports, atuando como editor responsável do programa Fox Nitro e comentarista de diversas categorias, entre as quais Rali Dakar, Nascar, MXGP, WTCC, WRC, FIA WEC, IMSA, Fórmula E, WTCR e Superbike Series Brasil. Conduz o blog A Mil Por Hora, agora no GRANDE PRÊMIO, desde 2008.

Arquivos

Categorias

Nuvem de Tags

Twitter

Reclames

Facebook

Mais reclames