Corvette fatura etapa do “Roval”: Taylor e Garcia encaminham título no IMSA

C
Quinta em oito corridas para Jordan Taylor/Antonio Garcia – a dupla do #3 encaminha o título na GTLM restando três etapas no campeonato do IMSA

RIO DE JANEIRO – A dupla Jordan Taylor e Antonio Garcia caminha célere rumo ao título da temporada 2020 do IMSA Weathertech SportsCar Championship na principal categoria de Grã-Turismo da série estadunidense de Endurance. Em corrida disputada com (muita) chuva e cheia de percalços no “Roval” do Charlotte Motor Speedway, os pilotos da Corvette Racing chegaram ao quinto triunfo em oito etapas.

A prova foi adiada em 1h exata por conta do curto espaço de tempo entre o término da corrida caótica da Xfinity Series da Nascar e também pelas precárias condições da pista, com riachos formados em vários trechos do traçado misto. Não adiantou muito: a chuva só deu uma trégua da metade da disputa de 1h40min (a mais curta da temporada) para o final e muitos carros foram pegos pelo contrapé.

De volta após saltar o evento de Mid-Ohio, a equipe Porsche foi neutralizada em menos de dez voltas. Laurens Vanthoor, que já se acidentara na sessão classificatória, destruiu praticamente por inteiro a traseira de seu carro logo na quinta volta. Pouco depois, Fred Makowiecki rodou, bateu na mureta e com danos irremediáveis de suspensão, desistiu.

A corrida virou assim um confronto particular entre Corvette e BMW, que chegou a liderar com o carro #24 de Jesse Krohn/John Edwards. Com apenas um único pit stop feito pelos carros GTLM, a autonomia de combustível não seria um fator no piso molhado de Charlotte e o que valeria seria manter os carros na pista e errar o mínimo possível.

Edwards, contudo, deu bobeira e permitiu que o #3 de Taylor/Garcia assumisse a ponta. Um último susto veio a poucos minutos do final, quando Tommy Milner teve um braço de suspensão do Corvette #4 partido na veloz curva 4 do oval, fazendo com que perdesse o controle, indo direto para o muro. Foi deflagrada assim a última bandeira amarela e a equipe de New Hudson, no estado de Michigan, terá trabalho para reparar o carro a tempo da disputa da Petit Le Mans, no próximo sábado.

Num sprint final, a BMW tentou, mas não superou o Corvette, cuja dupla agora soma 24 pontos de frente sobre Milner/Gavin e 27 para Connor De Philippi/Bruno Spengler, que vêm em 3º lugar.

Bill Auberlen guiou como um mestre no “Roval” de Charlotte e conquistou a 62ª vitória em provas da IMSA

Na GTD, a corrida foi um show de Bill Auberlen. O veterano californiano de 51 anos andou como pato n’água e venceu junto com Robby Foley a disputa de sua categoria, chegando em 4º na geral por conta dos acidentes dos dois Porsches e do Corvette GTLM. Auberlen chegou a ter margem de 20 segundos sobre os adversários, mas após a última relargada se manteve firme na dianteira para conquistar a segunda vitória na temporada.

Patrick Long/Ryan Hardwick alcançaram o terceiro pódio consecutivo com o Porsche da Wright Motorsports e o melhor resultado da dupla no campeonato, com a equipe The Heart of Racing obtendo um comemorado 3º lugar com Ian James/Roman De Angelis.

A disputa terminou com seis marcas diferentes nos seis primeiros lugares: BMW, Porsche, Aston Martin, Lexus, Acura e Audi. Os líderes do campeonato Mario Farnbacher/Matt McMurry foram acertados pelo #14 de Aaron Telitz/Jack Hawksworth, que acabou penalizado com um drive through logo após a última relargada.

Como ambos os carros ficaram em sétimo e oitavo na classificação final da categoria, a dupla da Meyer-Shank Racing ainda lidera nos pontos com seis de vantagem para Telitz e também para Hardwick/Long, que entram de vez na briga pelo título.

Sobre o Autor

Rodrigo Mattar

1 Comentário

  • Saudações Rodrigo Mattar!

    Parabéns pela participação no fox Nitro, que ora assisto, onde uma pessoa que a muito tempo se mostra de uma forma jamais imaginada, pela idade e tempo de corridas, contra o Lewis Hamilton ( nem fala o nome ) e que hoje não assimilou seu tapa de pelica…

    Abraços

Por Rodrigo Mattar

Reclames

Perfil

Rodrigo Mattar, carioca de 49 anos. Apaixonado por automobilismo desde os nove, é jornalista especializado em esportes a motor desde 1998. Estagiou no Jornal do Brasil e numa assessoria de comunicação antes de ingressar na Rede Globo. Em 2003, foi para o SporTV, onde foi editor dos hoje extintos programas Grid Motor e Linha de Chegada. No mesmo ano, iniciou sua trajetória como comentarista, estreando numa transmissão de uma corrida de Stock Car, realizada no saudoso Autódromo de Jacarepaguá. Há sete anos, está no Fox Sports, atuando como editor responsável do programa Fox Nitro e comentarista de diversas categorias, entre as quais Rali Dakar, Nascar, MXGP, WTCC, WRC, FIA WEC, IMSA, Fórmula E, WTCR e Superbike Series Brasil. Conduz o blog A Mil Por Hora, agora no GRANDE PRÊMIO, desde 2008.

Arquivos

Categorias

Nuvem de Tags

Twitter

Reclames

Facebook

Mais reclames