Petit Le Mans: Acura domina e faz 1-2 com Cameron na pole

P
Dane Cameron quebrou o recorde da pista de Road Atlanta e derrotou o rival e companheiro de equipe Ricky Taylor para levar a pole da Petit Le Mans (Foto: Rick Dole/IMSA)

RIO DE JANEIRO – Vencedor das últimas três provas da série IMSA neste ano, o Acura Team Penske conquistou nesta sexta-feira a pole position para a 23ª edição da Petit Le Mans, no circuito de Road Atlanta. Com Dane Cameron a bordo do carro #6, campeão ano passado na dupla com Juan Pablo Montoya, a tradicional escuderia comandará o grid de 31 carros em dobradinha com o #7 de Ricky Taylor, mais Hélio Castroneves e Alexander Rossi.

Cameron, aliás, travou luta direta com Taylor pela conquista da pole e levou a melhor. Com 1’08″412 (novo recorde do circuito para a categoria), superou por apenas 0″094 o companheiro de escuderia e assim assegurou o melhor tempo da qualificação restrita aos protótipos DPi e LMP2.

Felipe Nasr foi o único brasileiro em ação: qualificou o #31 da AX Racing em terceiro com 1’08″612, a exatos dois décimos da pole. Harry Tincknell vai alinhar com Nasr na segunda fila, tripulando o Mazda DPi #55.

Líder do campeonato junto a Renger Van der Zande e formando trinca no Cadillac #10 junto a Scott Dixon, Ryan Briscoe ficou com a 5ª posição no grid, à frente do outro Mazda e também dos dois Cadillac da JDC-Miller, com o #85 de Matheus Leist figurando como o 8º classificado do grid.

Na LMP2, Patrick Kelly fez a pole position sem nenhum susto – o piloto da PR1/Mathiasen registrou 1’11″590 – um segundo e meio abaixo do tempo de Rob Hodes, escalado para classificar o #51 da Inter Europol Competition. John Farano fez o terceiro tempo e Jim McGuire, com problemas no #38 da Performance Tech, não registrou qualificação. Vai assim largar em último entre os 12 protótipos inscritos.

Outra marca recorde superada foi na GTLM: com uma volta sensacional, Antonio Garcia superou Connor De Philippi e registrou a pole da categoria principal de Grã-Turismo. O espanhol da Corvette Racing marcou 1’15″163 e superou o rival da equipe BMW Team RLL por 0″271.

John Edwards classificou o carro #24 que terá o brasileiro Augusto Farfus a bordo durante a disputa com a 3ª posição da categoria, à frente dos dois Porsches e do Corvette #4. O plantel de seis carros ficou separado por menos de sete décimos.

Mas houve ainda mais equilíbrio na definição do grid da GTD, onde dos 13 carros inscritos nove andaram dentro do mesmo segundo e houve sete fabricantes diferentes no top 10.

A pole – também com recorde da pista para a categoria – ficou com o japonês Shinya Sean Michimi a bordo do Acura da Meyer-Shank Racing, líder do campeonato com Mario Farnbacher e Matt McMurry.

Com o tempo de 1’19″291, ele superou a Ferrari de Jeff Westphal por 0″173, cabendo a Frankie Montecalvo o terceiro tempo a bordo do Lexus #12 da AIM-Vasser Sullivan. Madison Snow classificou o Lamborghini da Paul Miller Racing em quarto e a BMW da Turner ficou em 5º lugar com Robby Foley.

Ainda dentro do mesmo segundo do tempo recorde de Michimi vieram o russo-canadense Misha Goikhberg no segundo Acura, o Audi guiado por Andrew Davis, o Porsche da Pfaff Motorsports (de volta nesta corrida) com Zach Robichon e também o Lexus #14 de Michael de Quesada.

Completam o plantel o Porsche da Wright Motorsports, o Aston da equipe The Heart of Racing, a GRT Magnus e seu Lamborghini, além da Riley Motorsports e o Mercedes-AMG #74 tripulado na definição do grid por Gar Robinson.

A disputa da Petit Le Mans começa às 12h40 locais (13h40 de Brasília), com duração de 10h corridas. O Fox Sports transmite a disputa pelo app do canal na íntegra e a corrida poderá ser vista no Fox Sports 2 em duas janelas – a primeira entre Truck e Xfinity Series no Kansas. A segunda, após a Nascar, com os instantes finais.

Sobre o Autor

Rodrigo Mattar

1 Comentário

Por Rodrigo Mattar

Reclames

Perfil

Rodrigo Mattar, carioca de 49 anos. Apaixonado por automobilismo desde os nove, é jornalista especializado em esportes a motor desde 1998. Estagiou no Jornal do Brasil e numa assessoria de comunicação antes de ingressar na Rede Globo. Em 2003, foi para o SporTV, onde foi editor dos hoje extintos programas Grid Motor e Linha de Chegada. No mesmo ano, iniciou sua trajetória como comentarista, estreando numa transmissão de uma corrida de Stock Car, realizada no saudoso Autódromo de Jacarepaguá. Há sete anos, está no Fox Sports, atuando como editor responsável do programa Fox Nitro e comentarista de diversas categorias, entre as quais Rali Dakar, Nascar, MXGP, WTCC, WRC, FIA WEC, IMSA, Fórmula E, WTCR e Superbike Series Brasil. Conduz o blog A Mil Por Hora, agora no GRANDE PRÊMIO, desde 2008.

Arquivos

Categorias

Nuvem de Tags

Twitter

Reclames

Facebook

Mais reclames