Para quem não viu: Michelin Le Mans Cup, etapa de Portimão

P

RIO DE JANEIRO – No último sábado, decidiu-se o título da temporada 2020 do Michelin Le Mans Cup, evento suporte do European Le Mans Series, no Autódromo Internacional do Algarve, em Portimão.

A última etapa valia títulos de pilotos e equipes nas classes LMP3 e GT3, bem como para esta divisão, era ofertada uma vaga direta às 24h de Le Mans na classe LMGTE-AM. Na disputa, participaram 21 carros – dezessete protótipos e apenas quatro modelos Grã-Turismo, por três equipes.

Uma delas era a Iron Lynx, que concentrou os esforços para fazer de Rino Mastronardi o campeão de pilotos e conseguiu – o que não foi muito difícil, já que a vantagem era boa para David Perel/Michael Broniszewski e o vice-líder do campeonato era o parceiro de guiada Giacomo Piccini.

Na LMP3, a parada era mais dura e envolvia pilotos de duas equipes diferentes: a Cool Racing e a DKR Engineering. E foi o time do Grão-Ducado de Luxemburgo o campeão de 2020 do MLMC, com Laurents Hörr levando a taça sozinho, já que seu parceiro das demais provas Jean Glorieux não pôde viajar ao Algarve. Wolfgang Triller substituiu-o e ajudou a levar o carro #3 ao pódio com o 3º lugar.

Tony Wells/Colin Noble venceram a última corrida do ano com o carro #7 da Nielsen Racing, enquanto Alex Kapadia e Moritz Kranz ficaram em 2º com o #21 da Mühlner Motorsport. O brasileiro Daniel Schneider, que fez a temporada toda pela United Autosports na dupla com o experiente Andy Meyrick, ficou fora dos pontos pela segunda corrida consecutiva e terceira na temporada. Eles fecharam o campeonato em 11º lugar, com 29,5 pontos somados.

Acompanhe a disputa com 2h de duração no vídeo abaixo.

Sobre o Autor

Rodrigo Mattar

Adicione um Comentário

Reclames

Perfil

Rodrigo Mattar, carioca de 49 anos. Apaixonado por automobilismo desde os nove, é jornalista especializado em esportes a motor desde 1998. Estagiou no Jornal do Brasil e numa assessoria de comunicação antes de ingressar na Rede Globo. Em 2003, foi para o SporTV, onde foi editor dos hoje extintos programas Grid Motor e Linha de Chegada. No mesmo ano, iniciou sua trajetória como comentarista, estreando numa transmissão de uma corrida de Stock Car, realizada no saudoso Autódromo de Jacarepaguá. Há sete anos, está no Fox Sports, atuando como editor responsável do programa Fox Nitro e comentarista de diversas categorias, entre as quais Rali Dakar, Nascar, MXGP, WTCC, WRC, FIA WEC, IMSA, Fórmula E, WTCR e Superbike Series Brasil. Conduz o blog A Mil Por Hora, agora no GRANDE PRÊMIO, desde 2008.

Arquivos

Categorias

Nuvem de Tags

Twitter

Reclames

Facebook

Mais reclames