Nojiri amplia vantagem no Super Formula

N

RIO DE JANEIRO – Havia três anos que nenhum piloto vencia duas vezes seguidas no Super Formula japonês – o último fora Naoki Yamamoto, o atual campeão. E como escritas existem para serem quebradas, essa caiu no fim de semana da 2ª etapa da principal competição oriental de monopostos.

Vencedor em Fuji, Tomoki Nojiri reivindicou o triunfo em Suzuka neste domingo, disparando para 45 pontos na liderança do campeonato. Na corrida que teve duração de 30 voltas, o piloto do Team Mugen seria também beneficiado por dois incidentes. O primeiro foi o furo de pneu do carro do pole position Nirei Fukuzumi (DoCoMo Team Dandelion Racing) na curva 130R, uma das mais velozes do traçado. O piloto teve a suspensão de seu monoposto danificada e teve de abandonar.

Na 16ª passagem, houve o “capote” de Yuji Kunimoto (KCMG) também na curva 130R, outra vez em decorrência de um furo de pneu – e aí o Safety Car entrou em ação. Nojiri liderou desde o problema de Fukuzumi e resistiu apos a relargada aos ataques de Ryo Hirakawa (Team Impul) que chegou em segundo a menos de um segundo e meio do vencedor.

Com o carro restante da Dandelion na disputa – e ainda substituindo o convalescente Tadasuke Makino, infectado por Covid, Ukyo Sasahara chegou em 3º e foi ao pódio, com Yuhi Sekiguchi em quarto e Hiroki Otsu completando os cinco primeiros.

O grid teve ainda as ausências de Kamui Kobayashi e Kazuki (e não o pai, Satoru) Nakajima, envolvidos com o Prólogo do WEC em Spa-Francorchamps – Sacha Fenestraz e Yves Baltas, ambos inscritos e ambos franceses, seguem impedidos de ingressar em território oriental. E isto deixou o grid com apenas dois competidores de fora do Japão, já que Tatiana Calderón, a única estrangeira na abertura, ganhou a companhia de Giuliano Alesi, filho do antigo piloto de F1 Jean Alesi – agora correndo no Japão no Super GT e Super Formula Lights.

A Tom’s recrutou Giuliano às pressas e o piloto não só se classificou ao Q3 como também somou pontos: terminou em 9º lugar, numa estratégia que incluiu estender ao máximo seu primeiro stint. O colega de equipe Ritomo Miyata fez o mesmo e terminou em sexto. Ao final, Alesi ganhou duas posições, ultrapassando Kenta Yamashita e Toshiki Oyu.

A próxima etapa será dia 16 de maio em Autopolis.

Resultado final da 2ª etapa:

1 – Tomoki Nojiri (Dallara-Honda) – Mugen – 30 voltas em 56’53″047
2 – Ryo Hirakawa (Dallara-Toyota) – Impul – 1″452
3 – Ukyo Sasahara (Dallara-Honda) – Dandelion – 4″186
4 – Yuhi Sekiguchi (Dallara-Toyota) – Impul – 9″914
5 – Hiroki Otsu (Dallara-Honda) – Mugen – 10″521
6 – Ritomo Miyata (Dallara-Toyota) – Tom’s – 11″854
7 – Sho Tsuboi (Dallara-Toyota) – Inging – 14″777
8 – Naoki Yamamoto (Dallara-Honda) – Nakajima – 14″780
9 – Giuliano Alesi (Dallara-Toyota) – Tom’s – 15″103
10 – Toshiki Oyu (Dallara-Honda) – Nakajima – 16″302

Classificação do campeonato após a 2ª etapa:

1. Tomoki Nojiri – 45 pontos
2. Ryo Hirakawa – 23
3. Toshiki Oyu – 19
4. Ukyo Sasahara – 18
5. Nirei Fukuzumi – 14
6. Ritomo Miyata – 9
7. Yuhi Sekiguchi e Naoki Yamamoto – 8
9. Hiroki Otsu – 6
10. Sho Tsuboi – 4
11. Yuji Kunimoto – 3
12. Sena Sakaguchi e Giuliano Alesi – 2
14. Kazuya Oshima – 1

Sobre o Autor

Rodrigo Mattar

2 Comentários

Por Rodrigo Mattar

Reclames

Perfil

Rodrigo Mattar, carioca de 49 anos. Apaixonado por automobilismo desde os nove, é jornalista especializado em esportes a motor desde 1998. Estagiou no Jornal do Brasil e numa assessoria de comunicação antes de ingressar na Rede Globo. Em 2003, foi para o SporTV, onde foi editor dos hoje extintos programas Grid Motor e Linha de Chegada. No mesmo ano, iniciou sua trajetória como comentarista, estreando numa transmissão de uma corrida de Stock Car, realizada no saudoso Autódromo de Jacarepaguá. Há sete anos, está no Fox Sports, atuando como editor responsável do programa Fox Nitro e comentarista de diversas categorias, entre as quais Rali Dakar, Nascar, MXGP, WTCC, WRC, FIA WEC, IMSA, Fórmula E, WTCR e Superbike Series Brasil. Conduz o blog A Mil Por Hora, agora no GRANDE PRÊMIO, desde 2008.

Arquivos

Categorias

Nuvem de Tags

Twitter

Reclames

Facebook

Mais reclames