Para quem não viu: International GT Open 2021, rodada #1 em Paul Ricard

P

RIO DE JANEIRO – Principal competição organizada pela GT Sport, o International GT Open abriu o ano com a rodada dupla inaugural disputada em Paul Ricard, assim como o EF Open e também a terceira temporada do GT Cup Europe, cuja prova inicial foi em separado – e disputada na segunda corrida em conjunto com a turma de cima de Grã-Turismo.

O grid foi bem razoável: largaram 16 carros e a vitória na prova #1 foi do Team Lazarus com o Bentley guiado pelo ucraniano Ivan Peklin e pelo sul-africano Jordan Pepper. Na corrida seguinte, disputada no domingo, ganhou em 1-2 a escuderia italiana comandada por Vincenzo Sospiri, levando ao triunfo o carro #63 de Michele Beretta/Frederik Schandorff. As duas parcerias vitoriosas, aliás, saem da França com o mesmo total de pontos – 21 – e a liderança do campeonato, contra 18 de Andy Soucek e Al Faisal Al Zoubair, da equipe Lechner Racing.

Na classe Pro-Am, Brendan Iribe/Ollie Millroy saíram líderes do campeonato após a primeira rodada, enquanto Jens Liebhauser/Florian Scholze comandam na divisão dos gentleman drivers.

Entre os GT Cup Open Europe, largaram 12 carros no total. Na primeira prova com duração de 50 minutos, ganhou o Porsche guiado por Mateusz Lisowski e Maciej Blazek. Fernando Fortes correu “solo” num Porsche da equipe Three Sixty e foi sétimo na geral e terceiro na divisão Am Cup. Márcio Mauro alinhou com Oscar Aristot e chegou em 11º na geral – quinto na subclasse Am.

Na prova #2, onde a divisão correu misturada ao GT Open, ganhou outro polonês, Andrzej Lewandowski, com um Lamborghini Super Trofeo da VSR, chegando em 15º na geral. Fortes e a dupla Mauro/Aristot repetiram o resultado de subclasses – terceiro e quinto, respectivamente, na Am. Na classificação, Lewandowski soma 27 pontos contra 23 de Lisowski e Blazek. Fortes é sexto na geral e terceiro na Am. Márcio Mauro vem em quinto na tabela da Am após a rodada inaugural.

Sobre o Autor

Rodrigo Mattar

Adicione um Comentário

Reclames

Perfil

Rodrigo Mattar, carioca de 49 anos. Apaixonado por automobilismo desde os nove, é jornalista especializado em esportes a motor desde 1998. Estagiou no Jornal do Brasil e numa assessoria de comunicação antes de ingressar na Rede Globo. Em 2003, foi para o SporTV, onde foi editor dos hoje extintos programas Grid Motor e Linha de Chegada. No mesmo ano, iniciou sua trajetória como comentarista, estreando numa transmissão de uma corrida de Stock Car, realizada no saudoso Autódromo de Jacarepaguá. Há sete anos, está no Fox Sports, atuando como editor responsável do programa Fox Nitro e comentarista de diversas categorias, entre as quais Rali Dakar, Nascar, MXGP, WTCC, WRC, FIA WEC, IMSA, Fórmula E, WTCR e Superbike Series Brasil. Conduz o blog A Mil Por Hora, agora no GRANDE PRÊMIO, desde 2008.

Arquivos

Categorias

Nuvem de Tags

Twitter

Reclames

Facebook

Mais reclames