Road To Le Mans: confirmados 46 carros para a preliminar das 24h

R

RIO DE JANEIRO – Válido como rodada dupla do Michelin Le Mans Cup, o evento do Road To Le Mans terá 46 carros na pista de La Sarthe este ano. A lista final para o principal evento suporte das 24h de Le Mans foi anunciada nesta sexta-feira, com a adesão de diversas equipes que não participam da competição.

Serão 35 os Esporte-Protótipos LMP3 na pista de mais de 13,6 km de extensão e onze modelos GT3, com a participação inclusa de cinco modelos diferentes – Porsche, Ferrari, Audi, Mercedes-AMG e Aston Martin. Pelo menos um piloto – Julien Andlauer – fará o Road To Le Mans e também as 24h no mesmo fim de semana.

Entre os nomes confirmados para andar de GT3, há o registro de Eddie Cheever III, filho do antigo piloto de Fórmula 1 e campeão da Indy 500 de 1998 Eddie Cheever Jr., além do veterano Andrea Montermini, hoje com 57 anos e há algum tempo longe de provas internacionais. Os dois estarão em duas das três inscrições da AF Corse.

Também o experiente Emmanuel Collard, sem chances de estar presente em sua 25ª 24h de Le Mans da carreira, vai competir com o compatriota Charles-Henri Samani na única Mercedes inscrita, pela Racetivity.

Em meio aos 70 pilotos que vão andar de LMP3, um brasileiro: Daniel Schneider estará na dupla com Andy Meyrick no #32 da United Autosports. O britânico é um dos poucos pilotos Gold (Ouro) aceitos no MLMC para este evento – além dele, a lista de entradas tem Jeroen Bleekemolen – que na etapa passada em Monza, teve Freddie Hunt, filho de James Hunt, como parceiro; Guy Smith e o experiente português Rui Águas.

De resto, alguns bons pilotos Silver (Prata) e os restantes, com licença Bronze. Muitos deles com o sonho de competir num dos templos sagrados do automobilismo mundial em todos os tempos.

Em relação às marcas homologadas, a Adess tem um solitário carro inscrito pela Revere Lifestyle para uma dupla de australianos, nove modelos Duqueine compõem o plantel e em esmagadora maioria – com 25 unidades – reina o modelo Ligier JS P320. A britânica Ginetta, o quarto construtor dentro do regulamento que entrou em vigor ano passado, não tem nenhum cliente na competição.

Como é um evento diferente dos demais do campeonato, o Road To Le Mans apresenta pontuação em escala menor: serão 15 pontos para o vencedor de cada prova com duração de 55 minutos, nove para o segundo colocado, sete para o terceiro e assim sucessivamente menos um ponto por posição até o 9º colocado e do décimo em diante, meio ponto. O pole position de cada classe também soma um ponto de bônus para o campeonato.

A primeira prova do quarto evento do campeonato será na quinta-feira, dia 19, às 19h30 locais – 14h30 de Brasília. No sábado, dia das 24h de Le Mans, acontece a segunda prova, com largada às 12h15, 7h15 de Brasília.

Sobre o Autor

Rodrigo Mattar

Adicione um Comentário

Reclames

Perfil

Rodrigo Mattar, carioca de 49 anos. Apaixonado por automobilismo desde os nove, é jornalista especializado em esportes a motor desde 1998. Estagiou no Jornal do Brasil e numa assessoria de comunicação antes de ingressar na Rede Globo. Em 2003, foi para o SporTV, onde foi editor dos hoje extintos programas Grid Motor e Linha de Chegada. No mesmo ano, iniciou sua trajetória como comentarista, estreando numa transmissão de uma corrida de Stock Car, realizada no saudoso Autódromo de Jacarepaguá. Há sete anos, está no Fox Sports, atuando como editor responsável do programa Fox Nitro e comentarista de diversas categorias, entre as quais Rali Dakar, Nascar, MXGP, WTCC, WRC, FIA WEC, IMSA, Fórmula E, WTCR e Superbike Series Brasil. Conduz o blog A Mil Por Hora, agora no GRANDE PRÊMIO, desde 2008.

Arquivos

Categorias

Nuvem de Tags

Twitter

Reclames

Facebook

Mais reclames