Fukuzumi vence última etapa e assegura vice do Super Formula

F

RIO DE JANEIRO – Mesmo com todas as dificuldades decorrentes da Pandemia do Covid-19, especialmente para os pilotos estrangeiros e mesmo os japoneses que tinham acordos para correr em mais de uma categoria e não puderam regressar ao próprio território por conta de visto de trabalho ou de entrada, a temporada 2021 do Super Formula termina com nota muito positiva.

Com o título definido por antecedência e conquistado merecidamente por Tomoki Nojiri, restou a batalha pelo vice-campeonato e Nirei Fukuzumi, piloto da equipe Dandelion, levou a melhor: ele venceu a última etapa do campeonato no domingo passado em Suzuka e, mesmo com os mesmos 55 pontos de Yuhi Sekiguchi, que chegou em quarto, assegurou a 2ª posição na tabela.

O pódio foi completado após 30 voltas de prova por Ryo Hirakawa – cujo nome cresce enormemente na mídia como o favorito à vaga de Kazuki Nakajima, que se aposenta do WEC neste fim de semana após a disputa das 8h do Bahrein – e pelo campeão Nojiri, que fechou o ano com 86 pontos somados.

Hirakawa completa a temporada como 4º colocado, seguido por Toshiki Oyu e Hiroki Otsu, quinto na etapa de encerramento.

Confira a classificação final do campeonato:

1. Tomoki Nojiri – 86 pontos
2. Nirei Fukuzumi – 55
3. Yuhi Sekiguchi – 55
4. Ryo Hirakawa – 46
5. Toshiki Oyu – 41
6. Hiroki Otsu – 38,5
7. Sena Sakaguchi – 35,5
8. Nobuharu Matsushita – 33,5
9. Tadasuke Makino – 24
10. Ritomo Miyata – 22
11. Giuliano Alesi – 20
12. Ukyo Sasahara – 18
13. Naoki Yamamoto – 13
14. Kenta Yamashita – 8
15. Sho Tsuboi – 6
16. Kazuki Nakajima e Sacha Fenestraz – 4
18. Yuji Kunimoto – 3
19. Kazuya Oshima – 2,5
20. Kamui Kobayashi – 1

Sobre o Autor

Rodrigo Mattar

1 Comentário

  • Poxa vida, mestre. Me atrasei bastante em relação a acompanhar as corridas por conta de mais mudanças profissionais. De qualquer forma vou arrumar um tempo essa semana para conferir os videos dessa e de outras corridas que rolaram. Inclusive o WEC, que eu nem me dei conta que teve etapa neste último fim de semana.

Por Rodrigo Mattar

Reclames

Perfil

Rodrigo Mattar, carioca de 49 anos. Apaixonado por automobilismo desde os nove, é jornalista especializado em esportes a motor desde 1998. Estagiou no Jornal do Brasil e numa assessoria de comunicação antes de ingressar na Rede Globo. Em 2003, foi para o SporTV, onde foi editor dos hoje extintos programas Grid Motor e Linha de Chegada. No mesmo ano, iniciou sua trajetória como comentarista, estreando numa transmissão de uma corrida de Stock Car, realizada no saudoso Autódromo de Jacarepaguá. Há sete anos, está no Fox Sports, atuando como editor responsável do programa Fox Nitro e comentarista de diversas categorias, entre as quais Rali Dakar, Nascar, MXGP, WTCC, WRC, FIA WEC, IMSA, Fórmula E, WTCR e Superbike Series Brasil. Conduz o blog A Mil Por Hora, agora no GRANDE PRÊMIO, desde 2008.

Arquivos

Categorias

Nuvem de Tags

Twitter

Reclames

Facebook

Mais reclames