Super GT: ARTA ganha etapa de Autopolis

S

RIO DE JANEIRO – Com atraso, já que trabalhei no último fim de semana na Cascavel de Ouro, estou mergulhado em outros projetos como alavancar o canal no YouTube e um livro novo, o blog registra a disputa da 6ª etapa do Super GT no circuito de Autopolis, na região japonesa de Oita. E deu Honda e ARTA, a equipe do antigo piloto de Fórmula 1 Aguri Suzuki, na disputa com 300 km de percurso.

Nirei Fukuzumi e Tomoki Nojiri triunfaram na antepenúltima corrida do calendário, registrando 69 voltas percorridas pelo circuito com 4,574 km de extensão e quase 30 segundos de vantagem para o Toyota da equipe Cerumo, alinhado para Hiroaki Ishiura e Yuji Tachikawa. Essa foi uma rara oportunidade em que os três construtores envolvidos na GT500 fecharam cada um com uma equipe no pódio, pois a Nismo foi 3ª colocada com Ronnie Quintarelli e Tsugio Matsuda.

Com o 6º lugar na disputa, Naoki Yamamoto e Tadasuke Makino mantém o comando da classificação faltando duas etapas. A dupla do Team Kunimitsu, agora com o patrocínio da Stanley, tem respectivamente 60 e 57 pontos – lembrando que Makino teve Covid e não disputou a abertura da temporada.

Koudai Tsukakoshi e Bertrand Baguette vêm em terceiro com 44 – eles chegaram em 8º na última corrida, enquanto a décima colocação na etapa de Autopolis elevou Yuhi Sekiguchi e Sho Tsuboi a 41. Matsuda e Quintarelli fecham o top 5 da temporada, com 37.

Na GT300, Yukhi Nakayama e Koki Saga deram à versão do modelo Prius Hybrid da Toyota a primeira vitória com o motor montado na seção dianteira. Sem lastro adicional algum para a 6ª etapa, eles partiram da pole e venceram com onze segundos praticamente de margem para Morio Nitta/Sena Sakaguchi, com o Lexus RC-F da equipe K-Tunes.

Takuto Iguchi/Hideki Yamauchi foram ao pódio com o Subaru BRZ da R&D Sport, enquanto os rivais até a etapa se iniciar – o brasileiro João Paulo de Oliveira e o japonês Kiyoto Fujinami acabaram em 11º lugar e sem pontos – ambas as duplas correram com o lastro máximo de 100 kg por conta das performances no campeonato.

O resultado deixou Iguchi/Yamauchi com 50 pontos na tabela, mas Oliveira e Fujinami ainda estão em 2º com 38. Atsushi Miyake e Yuui Tsutumi, que vêm em terceiro, também não pontuaram em Autopolis.

A próxima etapa será em Twin Ring Motegi, marcada para este fim de semana.

Sobre o Autor

Rodrigo Mattar

Adicione um Comentário

Reclames

Perfil

Rodrigo Mattar, carioca de 49 anos. Apaixonado por automobilismo desde os nove, é jornalista especializado em esportes a motor desde 1998. Estagiou no Jornal do Brasil e numa assessoria de comunicação antes de ingressar na Rede Globo. Em 2003, foi para o SporTV, onde foi editor dos hoje extintos programas Grid Motor e Linha de Chegada. No mesmo ano, iniciou sua trajetória como comentarista, estreando numa transmissão de uma corrida de Stock Car, realizada no saudoso Autódromo de Jacarepaguá. Há sete anos, está no Fox Sports, atuando como editor responsável do programa Fox Nitro e comentarista de diversas categorias, entre as quais Rali Dakar, Nascar, MXGP, WTCC, WRC, FIA WEC, IMSA, Fórmula E, WTCR e Superbike Series Brasil. Conduz o blog A Mil Por Hora, agora no GRANDE PRÊMIO, desde 2008.

Arquivos

Categorias

Nuvem de Tags

Twitter

Reclames

Facebook

Mais reclames