IMSA, 12h de Sebring – Ganassi, Cadillac e Bourdais na pole

I

SÃO PAULO –  Cadillac, Ganassi e Sébastien Bourdais: a receita vencedora para a conquista da pole position para a histórica 60ª edição das 12h de Sebring, um clássico do automobilismo mundial. O piloto francês de 43 anos quebrou o recorde da pista em qualificação para os carros DPi com o tempo de 1’45″166, superando por escassos vinte e seis milésimos o brasileiro Pipo Derani – com equipamento idêntico e da AX Racing.

A marca estadunidense só não fez 1-2-3-4 na qualificação porque a Wayne Taylor Racing se imiscuiu entre os ‘Caddies’ e virou em 1’45″301 com Ricky Taylor. Senão, Alex Lynn e Mike Rockenfeller teriam completado a festa…

Na classe LMP2, com os pilotos bronze participando da qualificação, Ben Keating faturou a pole com o #52 da PR1/Mathiasen, sendo o único a marcar tempo abaixo de 1’50” – precisamente 1’49″954, mais de meio segundo melhor que Henrik Hedman, da DragonSpeed. Steven Thomas fechou o top 3 da categoria.

Gar Robinson estabeleceu a pole da LMP3 com o carro da equipe do brasileiro Felipe Fraga, marcando 1’57″048, superando por 0″035 o sobrinho-neto da lenda Mario Andretti, Jarett Andretti.  Harry Gottsacker completou o top 3 da categoria com o Duqueine M30-D08 da Mühlner Motorsports America.

Já na GTD PRO, Daniel Serra faturou a pole com a Ferrari da Risi Competizione por apenas 0″017 contra o Lamborghini Huracan de Mirko Bortolotti, sendo que o Corvette C8.R de Antonio Garcia, mesmo com 20 HP a mais por conta do BoP, ainda ficou atrás de vários GTD – entre ele o pole dessa subclasse, o Porsche 911 GT3-R da Wright Motorsports guiado por Zach Robichon, além do BMW M4 GT3 de Robby Foley (Turner Motorsport) e mais outros três carros, entre eles o Mercedes-AMG da Winward Racing.

A disputa das 12h de Sebring começa às 11h40 de Bras´ília.

Sobre o Autor

Rodrigo Mattar

Adicione um Comentário

Reclames

Perfil

Rodrigo Mattar, carioca de 49 anos. Apaixonado por automobilismo desde os nove, é jornalista especializado em esportes a motor desde 1998. Estagiou no Jornal do Brasil e numa assessoria de comunicação antes de ingressar na Rede Globo. Em 2003, foi para o SporTV, onde foi editor dos hoje extintos programas Grid Motor e Linha de Chegada. No mesmo ano, iniciou sua trajetória como comentarista, estreando numa transmissão de uma corrida de Stock Car, realizada no saudoso Autódromo de Jacarepaguá. Há sete anos, está no Fox Sports, atuando como editor responsável do programa Fox Nitro e comentarista de diversas categorias, entre as quais Rali Dakar, Nascar, MXGP, WTCC, WRC, FIA WEC, IMSA, Fórmula E, WTCR e Superbike Series Brasil. Conduz o blog A Mil Por Hora, agora no GRANDE PRÊMIO, desde 2008.

Arquivos

Categorias

Nuvem de Tags

Twitter

Reclames

Facebook

Mais reclames