ELMS, 4h de Imola: Algarve Pro sai na frente na sexta-feira

E

RIO DE JANEIRO – Único carro a baixar de 1’33” no primeiro treino livre para a 2º etapa do European Le Mans Series (ELMS), as 4h de Imola, o #47 da equipe anglo-portuguesa Algarve Pro Racing foi o mais rápido na abertura de atividades no circuito Enzo e Dino Ferrari.

O australiano Alex Peroni marcou 1’32″845 contra 1’33″029 de Mathias Beche, pole position das 4h de Paul Ricard com a equipe francesa TDS Racing x Vaillante. O tempo do helvético foi somente nove milésimos superior ao da Prema, vencedora na abertura do campeonato, tendo o carro #9 outro suíço a bordo – Louis Déletraz.

O #22 da United Autosports foi quarto colocado, seguido pela Cool Racing e pelo #88 da AF Corse guiado por Alessio Rovera. A Inter Europol Competition do brasileiro Pietro Fittipaldi ficou em 14º lugar a 1″418 do melhor tempo do dia.

Entre os LMP3, a Cool Racing estabeleceu o tempo de referência com um de seus dois protótipos – no caso o #17 guiado por Malthe Jakobsen – 1’38″666, apenas setenta e oito milésimos melhor que Glenn Van Berlo com o #10 da Eurointernational. O irmão deste, Kay Van Berlo, dominante na Porsche Carrera Cup North America, já virou na casa de 1’39” e o polonês Mateusz Kapryzk foi o quarto, antecedendo o segundo protótipo da Cool Racing.

O mais rápido entre os 12 LMGTE foi o Porsche da Absolute Racing: o belga Alessio Picariello marcou 1’41″801, dois décimos abaixo da dinamarquesa Michelle Gätting, recuperada do Covid. Jonathan Adam foi o terceiro, colocando as três marcas no top 3 com o Aston Martin da Oman Racing with TF Sport, a somente quatro décimos da rival. Mikkel Jensen foi o quarto com o #57 da Kessel e o outro Aston da TF Sport guiado por Marco Sorensen fechou o top 5.

Sobre o Autor

Rodrigo Mattar

Adicione um Comentário

Reclames

Perfil

Rodrigo Mattar, carioca de 49 anos. Apaixonado por automobilismo desde os nove, é jornalista especializado em esportes a motor desde 1998. Estagiou no Jornal do Brasil e numa assessoria de comunicação antes de ingressar na Rede Globo. Em 2003, foi para o SporTV, onde foi editor dos hoje extintos programas Grid Motor e Linha de Chegada. No mesmo ano, iniciou sua trajetória como comentarista, estreando numa transmissão de uma corrida de Stock Car, realizada no saudoso Autódromo de Jacarepaguá. Há sete anos, está no Fox Sports, atuando como editor responsável do programa Fox Nitro e comentarista de diversas categorias, entre as quais Rali Dakar, Nascar, MXGP, WTCC, WRC, FIA WEC, IMSA, Fórmula E, WTCR e Superbike Series Brasil. Conduz o blog A Mil Por Hora, agora no GRANDE PRÊMIO, desde 2008.

Arquivos

Categorias

Nuvem de Tags

Twitter

Reclames

Facebook

Mais reclames