24h de Le Mans: Glickenhaus e Dumas dão as cartas na ‘sessão coruja’

2

RIO DE JANEIRO  – Teve treino noturno após a definição dos carros que irão para a Hyperpole às 15h desta quinta-feira (20h locais) em Le Mans: mais uma sessão com duas horas de pista aberta para adaptação aos pilotos às condições de prova que serão importantes – o trecho noturno da disputa, que é mais curto que o diurno, mas fundamental em vários aspectos, principalmente para que os pilotos entendam o comportamento dos carros com a pista mais fria e o ar mais denso.

A Glickenhaus deu o ar da graça na ‘sessão coruja’ e Romain Dumas foi o autor da melhor volta do TL2, com 3’28″900, dois décimos abaixo do Toyota #7 guiado por Mike Conway. Na terceira marca, o outro GR010 do construtor oriental, com Brendon Hartley a bordo.

O Alpine segue atrás da concorrência: o #36 dos líderes do campeonato virou em 3’32″592, com Matthieu Vaxivière no melhor giro da sessão para o carro do time francês.

Na LMP2, René Rast foi o mais rápido do treino ao marcar 3’33″119, com a United Autosports em segundo graças a Filipe Albuquerque. O outro protótipo do time de Baudour, com o dorsal #32, ficou em 3º com Dries Vanthoor a bordo.

A Penske ficou em 12º na ‘sessão coruja’ com 3’34″645 e a equipe de Pietro Fittipaldi melhorou em relação ao complicado treino classificatório: o #43 da Inter Europol fechou em décimo-quarto, na casa de 3’34″793. Mas os problemas continuaram: o carro teve uma quebra de suspensão com Fabio Scherer a bordo. Felizmente o carro não foi danificado porque o piloto suíço rapidamente parou o protótipo na pista para ser rebocado pelo flatbed.

Entre os LMP2 Pro-Am, a Algarve Pro Racing ficou com a melhor marca graças ao #47, posto que o outro carro do time passou o treino inteiro tendo o chassis trocado. Jack Aitken estabeleceu 3’33″785, 8º melhor tempo da categoria.

Nicky Catsburg foi o mais veloz entre os LMGTE-PRO, levando o Corvette #63 à marca de 3’53″492. Fred Makowiecki intrometeu-se entre os ‘trovões’ colocando o Porsche #91 em segundo, apenas 30 milésimos melhor que o #64 guiado por Alexander Sims.

A melhor Ferrari foi a da Riley: quarto tempo registrado por Felipe Fraga em 3’54″019.

Mikkel O. Pedersen levou o Porsche #46 do Team Project 1 ao melhor tempo da LMGTE-AM – 3’55″629, um décimo apenas à frente do surpreendente #88 da Dempsey-Proton Racing com Jan Heylen. Em terceiro ficou o Aston Martin da NorthWest AMR e as Iron Dames alcançaram a quarta colocação, com a D’Station Racing completando o top 5 do último treino do dia.

Além do Oreca #45 da Algarve Pro Racing, em razão do acidente no qualifying, o Porsche #93 de Michael Fassbender/Matt Campbell/Zach Robichon não voltou à pista para o TL2, pois ainda está sendo consertado com vistas aos treinos de amanhã. O terceiro treino livre começa às 15h locais, 10h da manhã de Brasília.

Sobre o Autor

Rodrigo Mattar

Adicione um Comentário

Reclames

Perfil

Rodrigo Mattar, carioca de 49 anos. Apaixonado por automobilismo desde os nove, é jornalista especializado em esportes a motor desde 1998. Estagiou no Jornal do Brasil e numa assessoria de comunicação antes de ingressar na Rede Globo. Em 2003, foi para o SporTV, onde foi editor dos hoje extintos programas Grid Motor e Linha de Chegada. No mesmo ano, iniciou sua trajetória como comentarista, estreando numa transmissão de uma corrida de Stock Car, realizada no saudoso Autódromo de Jacarepaguá. Há sete anos, está no Fox Sports, atuando como editor responsável do programa Fox Nitro e comentarista de diversas categorias, entre as quais Rali Dakar, Nascar, MXGP, WTCC, WRC, FIA WEC, IMSA, Fórmula E, WTCR e Superbike Series Brasil. Conduz o blog A Mil Por Hora, agora no GRANDE PRÊMIO, desde 2008.

Arquivos

Categorias

Nuvem de Tags

Twitter

Reclames

Facebook

Mais reclames