TagVerstappen

Alea jacta est!

A

RIO DE JANEIRO – O título deste post quer dizer o seguinte, em latim: “A sorte está lançada!” E a guerra entre Max Verstappen e Lewis Hamilton, ainda que silenciosa entre os dois pilotos, parece deflagrada após os acontecimentos do GP da Grã-Bretanha. Muito mais importante do que a espetacular 99ª vitória da carreira do heptacampeão mundial de Fórmula 1, ocorrida pela oitava vez...

Faltam seis

F

RIO DE JANEIRO – Está oficialmente aberta a contagem regressiva para que Lewis Hamilton iguale e ultrapasse – ao que tudo indica – o histórico recorde de vitórias de Michael Schumacher, que perdura na Fórmula 1 há catorze anos. O britânico da Mercedes portou-se soberano na pista do Red Bull Ring neste domingo de um GP da Estíria que foi bem menos alternativo que a abertura da...

Para a eternidade

P

RIO DE JANEIRO (UAU!) – Amigos, que GP do Brasil! Mais um… que corrida. A melhor de toda a temporada. Aliás, não houve corrida considerada ruim desde o horroroso GP da França. Não vou me ater muito à detalhes do início da disputa, até porque disputas mesmo não havia pela liderança. Mas foram as estratégias que deram um rumo do que seria – e também do que acabou não sendo, pra...

O hexa é logo ali

O

RIO DE JANEIRO – Fica difícil não apostar que Lewis Hamilton leva já no próximo fim de semana o título mundial de Fórmula 1, o sexto da carreira e o quinto nos últimos seis campeonatos. O britânico não tinha – nem de longe – o melhor carro da pista no fim de semana do GP do México. Mas é, disparado, o melhor piloto hoje da categoria. Provou isso ao vencer sua 83ª corrida na...

Uma corrida estranha

U

RIO DE JANEIRO – O GP do Japão deste domingo, madrugada pra nós, foi no mínimo estranho. Primeiro teve toda aquela história do tufão Hagibis e havia que se preocupar muito com os possíveis estragos e com o rescaldo. Felizmente, o plano de contingência deu certo. O treino oficial foi transferido do sábado para o domingo, quatro horas antes da disputa. A Ferrari deu um banho na qualificação e...

O perigo vermelho?

O

RIO DE JANEIRO – Fosse em outro momento do campeonato da Fórmula 1 e uma luz de alerta estaria acesa em Brackley: pós-férias, a Ferrari é a melhor equipe da temporada e conquistou, de forma até certo ponto inesperada, sua terceira vitória seguida desde que o campeonato voltou das férias de verão. E logo com Sebastian Vettel, que fez as pazes com o topo do pódio – agora pra valer...

Doppietta!

D

RIO DE JANEIRO – Sem computador portátil (meu notebook resolveu pifar quando menos deveria…) e também sem possibilidade de escrever um texto falando do GP da Itália por conta de ter que arrumar as tralhas para voltar ao Rio de Janeiro após um ótimo fim de semana em São Paulo, só agora vou abordar a Fórmula 1 aqui no blog. E que corrida marcante para os tifosi, hein? Monza é o...

Faltam dez!

F

RIO DE JANEIRO – Smartphone na mão, GP da Hungria ainda em seu primeiro terço, Max Verstappen – um sensacional pole position – líder do GP da Hungria. Aí solto a seguinte. “Hamilton vai ganhar esse negócio aí”. Está o print aqui abaixo para não me deixar mentir. Cheguei a duvidar, até, depois que Verstappen, num primeiro momento, deu uma enquadrada no rival, que...

Uma corrida histórica

U

RIO DE JANEIRO – Há pouco tempo atrás, se me lembro bem, não só este escriba aqui como muitos que têm espaço para falar de automobilismo estavam descendo o cacete na Fórmula 1. “Porcaria” foi o que de mais gentil falamos na época do GP da França, em Paul Ricard. Pois a própria categoria se encarregou de calar nossas bocas, diminuir nosso desânimo e mostrar que o esporte respira...

Pedra 80

P

RIO DE JANEIRO – Mesmo com um regulamento que permite o domínio escancarado da Mercedes-Benz, hoje o construtor com mais dobradinhas da história da Fórmula 1, a categoria máxima ainda consegue nos encantar e trazer outra boa corrida para o prontuário. O GP da Inglaterra, descontando algumas bobagens proferidas por Galvão Bueno na transmissão do Grupo Globo, foi muito bom. Do início ao fim...

Bom senso!

B

RIO DE JANEIRO – Até que enfim a FIA e a Fórmula 1 deram uma dentro. Max Verstappen, com merecimento, conquistou a primeira vitória de um piloto que não fosse da Mercedes-Benz neste ano – e também a primeira do motor Honda na categoria em quase 13 anos. Desde o longínquo 2006 que o construtor nipônico não via um carro com seus propulsores cruzando a linha final à frente da...

#FürNiki

#

RIO DE JANEIRO – O Grande Prêmio de Mônaco, como corrida, não cabe mais para a Fórmula 1. Tirando uma tentativa aqui e alhures, não existem ultrapassagens e só situações atípicas poderiam mexer com a corrida. A deste domingo até teve alguns momentos interessantes. Mas, no bojo, como espetáculo ficou devendo. A corrida do Principado segue apenas pelo charme e pela tradição – o que para...

Corridinha chata…

C

RIO DE JANEIRO – A Mercedes-Benz e seus pilotos não têm culpa do regulamento atual da Fórmula 1 ser a bela porcaria que é. E nem da pista da Catalunha, que deve dar adeus ao calendário da categoria já no próximo ano, não proporcionar disputa alguma. Resultado: o GP da Espanha deste domingo foi chato. Muito chato. Em doses cavalares. E não sei como não dormi ao assistir às 66 voltas da...

Nasce uma estrela; e outra brilha com a sorte de campeão

N

RIO DE JANEIRO – Foi bom o GP do Bahrein. Muito bom. A corrida de número #999 da história da Fórmula 1 nos trouxe mais uma personagem para o jogo. A temporada passada já dera uma dica de que Charles Leclerc era fera. Não é qualquer piloto que faz o que ele fez com uma equipe mediana feito a Sauber, andando forte em vários treinos classificatórios e tendo a oportunidade de terminar nos...

Bottas… e o resto

B

RIO DE JANEIRO – Poucos poderiam prever e acreditar que pudesse acontecer algo fora do normal na abertura do Mundial de Fórmula 1, o GP da Austrália. Por isso, a vitória de Valtteri Bottas no Albert Park, em Melbourne, não deixa de ser tão surpreendente quanto atípica. Foi um domingo de domínio do finlandês, como raras vezes se viu dentro da Mercedes-Benz. “Estou sem palavras”...

Encontros e despedidas

E

RIO DE JANEIRO – Foi bem “assim assim” o GP de Abu Dhabi que encerrou neste domingo a temporada 2018 do Mundial de Fórmula 1. Houve até algum agito na pista graças a Max Verstappen (sempre este homem fatal!), mas no bojo a corrida não passou de razoável. Valeu por tudo o que aconteceu neste fim de semana de mais uma pole position e de uma nova vitória de Lewis Hamilton...

Press Conference

P

RIO DE JANEIRO – Esse vídeo, ainda que em inglês e tendo sido ontem, vale a pena ser visto. Por ser a última coletiva de Fernando Alonso na Fórmula 1, a última de Kimi Räikkönen na Ferrari, por colocar Lando Norris e George Russell representando a nova geração da categoria e por também pôr na mesma mesa – mas não lado a lado, Esteban Ocon e Max Verstappen, os protagonistas da treta do...

Agora, faltam 19…

A

RIO DE JANEIRO – Dez vitórias em 20 corridas: uma campanha irretocável de um grande campeão, que agora mira dois recordes – o de títulos mundiais e de vitórias. A julgar pelo que temos visto na Fórmula 1 atualmente, não será difícil que Lewis Hamilton alcance tais marcas e se coloque como o maior piloto de sua geração. O GP do Brasil foi bem legal. Sem Safety Car, foi a corrida mais...

GP da Inglaterra: gostamos, mas com ressalvas…

G

RIO DE JANEIRO – Faço coro com quase todo mundo que neste domingo sem Copa do Mundo na Rússia e na telinha assistiu ao GP da Inglaterra de Fórmula 1. A corrida em Silverstone teve um final sensacional, eletrizante, indefinido e que premiou Sebastian Vettel, agora o terceiro maior vencedor da história – empatado em 51 triunfos com Alain Prost. Gostamos! Mas com ressalvas…...

Barbas de molho

B

RIO DE JANEIRO – Perdoem o escriba pela demora em falar do GP da Áustria de Fórmula 1. O plantão de Copa do Mundo tem tomado o meu tempo, afora as transmissões das categorias que o Fox Sports exibe e continuará exibindo até a decisão do próximo dia 15. E além de tudo preciso descansar nas (poucas) horas que me restam. Sigamos em frente, pois. Não é toda vez que a gente vê uma corrida com as...

Esperanças em vão

E

RIO DE JANEIRO – Confesso que após algumas corridas muito boas da Fórmula 1, esperava que o GP da Espanha saísse do padrão igual no ano passado e proporcionasse ao público uma briga pela vitória tal qual fizeram Hamilton e Vettel em 2017. Mas como diria Pedro, em “Carga Pesada”, ‘é uma cilada, Bino’! E a corrida deste domingo em Barcelona foi uma cliada. Aliás, a...

Temos um campeonato?

T

RIO DE JANEIRO – Pra começo de conversa, se o Grande Prêmio da China não fosse um pé no saco, a julgar pelo que pareceu ser um domínio da Ferrari após os treinos e a posterior definição do grid, estaríamos contentes. De fato, o que aconteceu no início da 3ª etapa do Mundial de Fórmula 1 sugeriu que a corrida caminhava para a chatice. Vettel pegou a ponta na largada, deixou Bottas e...

Seguidinha

S

RIO DE JANEIRO – Começamos a temporada 2018 da Fórmula 1 com uma impressão pouco positiva da corrida de estreia – talvez por culpa da pista de Albert Park. As regras da categoria são aquelas que a gente conhece, então não dá pra querer que mudem tão já – mas bem que, repito, os artificialismos poderiam ser varridos do mapa. Sigamos em frente, pois. E que o GP do Bahrein de hoje...

Em memória de Jules, a melhor do ano

E

RIO DE JANEIRO – A Fórmula 1 fez uma homenagem a Jules Bianchi antes, durante e depois da corrida deste domingo. O GP da Hungria superou qualquer outro do ano em matéria de imprevisibilidade e ainda sobrou troco. Disparada, a melhor prova de 2015, à altura do que o público e os fãs de automobilismo merecem. Para culminar, foi a primeira corrida nas últimas 29 sem a Mercedes-Benz com...

Rosenqvist vence a corrida classificatória da F3 em Macau

R

RIO DE JANEIRO – Sem nenhuma dificuldade, o sueco Felix Rosenqvist confirmou o favoritismo ao título do 61º GP de Macau. O piloto da Mücke Motorsport venceu neste sábado com seu Dallara F312 Mercedes a corrida classificatória com 10 voltas de duração, que define o grid para a finalíssima deste domingo. Foi uma prova que teve os acidentes de praxe, começando logo na primeira volta, com as...

Rosenqvist é o pole do GP de Macau de Fórmula 3

R

RIO DE JANEIRO – Sai um sueco da pole provisória do GP de Macau de Fórmula 3 e entra outro na pole definitiva para a prova classificatória deste sábado: Felix Rosenqvist, já um veterano de guerras no circuito da Guia, superou todos os outros 27 rivais e larga na frente para a corrida de 10 voltas que definirá o grid da prova #2, a decisiva, no domingo. Com o Dallara Mercedes da Mücke, o...

Saudosas pequenas – Minardi, parte XI

S

RIO DE JANEIRO – Chegou o ano de 2003 e a Minardi entrava em mais um campeonato com uma nova dupla de pilotos. Paul Stoddart trouxe de volta para a categoria o holandês Jos Verstappen, que correra por Benetton, Simtek, Arrows, Tyrrell e Stewart, para formar dupla com o britânico Justin Wilson, estreante na categoria. Este último chegava à Fórmula 1 com uma característica no mínimo incomum...

Saudosas pequenas – Simtek, parte II (final)

S

RIO DE JANEIRO – Após um duríssimo ano de aprendizado, a Simtek esperava colher os frutos da experiência do campeonato de 1994 no segundo ano de existência do time de Nick Wirth na Fórmula 1. A equipe enfrentava – ainda – algumas dificuldades a nível financeiro e não faltou quem se dispusesse a ajudá-la. Flavio Briatore foi um deles: o esperto italiano ofereceu ao time britânico...

Saudosas pequenas – Arrows, parte XIII (final)

S

RIO DE JANEIRO – Na temporada de 2001, a Arrows ganhou um reforço inesperado no orçamento do time: a Red Bull, que patrocinava a Sauber, resolveu expor sua marca nos carros do time de Milton Keynes, porque o time helvético decidiu por Kimi Räikkönen em detrimento de Enrique Bernoldi, que acabaria estreando no time de Tom Walkinshaw ao lado de Jos Verstappen. “A Red Bull já tinha...

Saudosas pequenas – Arrows, parte XII

S

RIO DE JANEIRO – Sem sua dupla de 1998, Pedro Paulo Diniz – que foi para a Sauber e Mika Salo – à disposição de outras escuderias como piloto-reserva, a Arrows e Tom Walkinshaw buscaram outras alternativas para manter a equipe no Mundial de Fórmula 1 em 1999. A reboque da contratação do espanhol Pedro de la Rosa, então com 28 anos, veio o contrato de patrocínio com a Repsol. O...

Reclames

Perfil

Rodrigo Mattar, carioca de 49 anos. Apaixonado por automobilismo desde os nove, é jornalista especializado em esportes a motor desde 1998. Estagiou no Jornal do Brasil e numa assessoria de comunicação antes de ingressar na Rede Globo. Em 2003, foi para o SporTV, onde foi editor dos hoje extintos programas Grid Motor e Linha de Chegada. No mesmo ano, iniciou sua trajetória como comentarista, estreando numa transmissão de uma corrida de Stock Car, realizada no saudoso Autódromo de Jacarepaguá. Há sete anos, está no Fox Sports, atuando como editor responsável do programa Fox Nitro e comentarista de diversas categorias, entre as quais Rali Dakar, Nascar, MXGP, WTCC, WRC, FIA WEC, IMSA, Fórmula E, WTCR e Superbike Series Brasil. Conduz o blog A Mil Por Hora, agora no GRANDE PRÊMIO, desde 2008.

Arquivos

Categorias

Nuvem de Tags

Twitter

Reclames

Facebook

Mais reclames