MENU

6 de janeiro de 2016 - 13:07Fórmula Indy, Outros

Cadeia para Herb

racing-professionals-dallara-ir-05-honda-herb-11948

Jon Herb disputou a Indy 500 duas vezes, a última delas com este Dallara da Racing Professionals. Hoje, o piloto foi condenado a 25 anos de prisão por abuso sexual infantil

RIO DE JANEIRO - Poucos aqui devem lembrar de Jon Herb, obscuro piloto que hoje tem 45 anos de idade e nasceu no Wisconsin. Entre 2000 e 2007, ele foi visto algumas vezes na Fórmula Indy, Indy Lights e nas 500 Milhas de Indianápolis – que disputou duas vezes apenas, em 2001 e 2007.

E em 2013 eu já havia comentado aqui mesmo no blog, quando já estávamos ligados ao Grande Prêmio, que o piloto já se encontrava preso na Flórida sob uma grave acusação de pornografia infantil e pedofilia. A ex-mulher do piloto não escondeu sua indignação à época. “Ele é um pervertido”, acusou.

O advogado de defesa sustentou a tese de ‘leve desordem mental’ para tentar salvar a pele do piloto, mas quem em sã consciência manteria uma pasta com 243 fotos e três vídeos mantendo relações sexuais com uma criança de quatro anos? Coisa de doente, mesmo.

Pois bem: o Grande Prêmio contou hoje que Herb foi merecidamente condenado. 25 anos de prisão, dos quais já cumpriu dois. Um tarado como este, à solta, é um perigo para a sociedade.

4 comentários

  1. Vinicius disse:

    Eu me lembro dele por causa do nome parecido com o do Johnny Herbert hehe

  2. Fernando Lima disse:

    Um desgraçado destes, além de tudo, envergonha denigre a classe de competidores e fãs de automobilismo.
    Vinte e cinco anos de condenação? Foi pouco…

  3. Douglas Ricardo disse:

    Lá a Justiça funciona de verdade…

Deixe uma resposta para Vinicius Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>