MENU

3 de janeiro de 2017 - 13:19Rali Dakar

Com ritmo avassalador, Price vence 2ª etapa nas Motos

toby_price_ktm_450_rally_2016_0

Toby Price imprimiu um ritmo fortíssimo e venceu a 2ª etapa do Rali Dakar 2017 nas motocicletas

RIO DE JANEIRO (atualizado às 16h37) - O Rali Dakar começou de fato nesta terça-feira com a 2ª etapa disputada hoje entre Resistência e San Miguel de Tucumán, no norte-nordeste da Argentina. Apesar do violento calor que faz neste verão no hemisfério sul, os pilotos deram absolutamente tudo ao longo da especial com 275 km cronometrados e 803 km no total, incluindo os neutralizados. Principalmente o campeão do ano passado, o australiano Toby Price.

Décimo-sétimo na primeira especial, poupando o equipamento e sem correr nenhum tipo de risco, o representante da KTM colou o punho hoje, numa etapa em que vários competidores superaram velocidades de 180 km/h nos trechos mais rápidos. Price mostrou que não tem o número #1 em sua KTM por acaso e fez o tempo de 2h37min32seg. A vantagem dele para o 2º mais rápido, que foi o companheiro de equipe Matthias Walkner, foi de incríveis 3min22seg.

Com o triunfo, Price já desponta na liderança geral após duas etapas, com vantagem de 2min39seg para Walkner.

O português Paulo Gonçalves andou muito bem e foi o 3º colocado na especial, a 29seg de Walkner – o resultado fez o piloto da Honda ascender à 3ª posição geral, com desvantagem de 2min54seg para Price. Xavier De Soultrait, penalizado em um minuto na véspera, voltou a fazer uma etapa forte e ficou com o quarto melhor tempo do dia.

Sam Sunderland pôs uma terceira KTM oficial no top 5, enquanto o melhor sul-americano, mais uma vez, foi o chileno Pablo Quintanilla, sexto colocado. O vice-campeão de 2016 Stefan Svitko foi o 7º hoje, seguido por Ricky Brabec, da equipe Honda HRC. Alessandro Botturi colocou a única Yamaha oficial de fábrica entre os dez mais velozes, enquanto Joan Barreda Bort completou o top 10.

Vencedor de ontem com a punição a Xavier De Soultrait, o espanhol Juan Pedrero Garcia abriu a trilha, mas perdeu 8min09seg em relação a Price, terminando a especial com o 15º tempo. Com o mau resultado, Pedrero baixou para 11º na geral, saindo portanto do top 10.

O catarinense Ricardo Martins continua em ritmo muito bom nas primeiras etapas do Rali Dakar: na especial de hoje, o piloto nascido em Palhoça fez o 42º melhor tempo – 3h08min21seg. Com isso, o estreante sobe para a 46ª posição na geral. Gregório Caselani, com uma Honda, ficou em 62º na etapa – tempo de 3h22min58seg. Na geral, o gaúcho é o 62º, com o acréscimo de 1min de penalização. E Richard Fliter terminou o dia em 64º, na marca de 3h24min11seg – mesma colocação que ocupa na geral.

Resultado da etapa #2
Resistência-San Miguel de Tucumán
Total: 803 km – 275 km cronometrados

1. #1 Toby Price (KTM) – 2h37min32seg
2. #16 Matthias Walkner (KTM) – a 3min22seg
3. #17 Paulo Gonçalves (Honda) – a 3min51seg
4. #23 Xavier De Soultrait (Yamaha) – a 4min06seg
5. #14 Sam Sunderland (KTM) – a 4min19seg
6. #3 Pablo Quintanilla (Husqvarna) – a 4min48seg
7. #2 Stefan Svitko (KTM) – a 4min54seg
8. #9 Ricky Brabec (Honda) – a 5min40seg
9. #18 Alessandro Botturi (Yamaha) – a 6min20seg
10. #11 Joan Barreda Bort (Honda) – a 6min25seg

Classificação geral:

1. Toby Price – 3h07min17seg
2. Matthias Walkner – a 2min39seg
3. Paulo Gonçalves – a 2min54seg
4. Sam Sunderland – a 3min23seg
5. Xavier De Soultrait – a 3min41seg (incluindo +1min de penalização)
6. Pablo Quintanilla – a 4min26seg
7. Ricky Brabec – a 4min29seg
8. Stefan Svitko – a 4min45seg
9. Joan Barreda Bort – a 5min32seg
10. Alessandro Botturi – a 6min08seg

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>