MENU

5 de janeiro de 2017 - 19:17Rali Dakar

De Rooy atropela concorrência na 4ª etapa e vence nos brutos… por 30 segundos!

GerardDeRooy-RallyDakar2017-EtapaDois-640x426

A tripulação do Iveco “Bicudo” campeão do último Rali Dakar conseguiu recuperar terreno ao longo do dia e venceu a 4ª etapa nos Caminhões

RIO DE JANEIRO - A 4ª etapa nos caminhões foi a mais apertada de todo o Rali Dakar até agora, em qualquer uma das cinco categorias em disputa. A diferença de 30 segundos é a menor até agora registrada na edição de 2017 – e prova o esforço de Gerard De Rooy em se recuperar após o desastre na véspera, quando teve três pneus furados em seu Iveco. O holandês guiou seu “bruto” como um posesso na especial de 416 km entre San Salvador de Jujuy e Tupiza, para cruzar o território boliviano como o vencedor da especial. Com o tempo de 4h55min55seg, ele superou o russo Ayrat Mardeev, que dominou a etapa até o 10º waypoint e parecia ter tudo sob controle.

Só parecia…

Apesar da vitória na etapa, De Rooy e seus parceiros Moi Torrallardona e Darek Rodewald ainda têm bastante terreno a recuperar – estão em 5º na geral, pouco mais de 14 minutos atrás do novo líder geral: o russo Dmitry Sotnikov, que hoje completou a etapa na quarta posição, a 7min37seg do melhor tempo do dia.

Anton Shibalov alcançou o melhor resultado de sempre numa especial nos caminhões – 3º lugar, a 3min07s de Gerard De Rooy. O argentino Federico Villagra conquistou mais um bom resultado, completando o dia em quinto. Ele é o 2º agora na classificação geral, com grandes chances de sair de La Paz rumo à Argentina na luta por um título histórico para os sul-americanos. Até hoje, nenhum piloto do continente conquistou o Dakar na categoria dos “brutos”.

A etapa foi ruim para alguns dos favoritos. Pelo menos dois candidatos a boas posições ao final se atrasaram: o tcheco Martin Kolomy e o holandês Hans Stacey claramente tiveram problemas e não terminarão o dia entre os 15 primeiros colocados após o fim da especial.

Resultado da etapa #4:
San Salvador de Jujuy-Tupiza
Total: 416 km – 521 km

1. #500 Gerard De Rooy/Moises Torrallardona/Darek Rodewald (Iveco) – 4h55min55seg
2. #501 Ayrat Mardeev/Aydar Belyaev/Dmitry Svistunov (Kamaz) – a 30seg
3. #515 Anton Shibalov/Ivan Romanov/Robert Amatych (Kamaz) – a 3min07seg
4. #513 Dmitry Sotnikov/Igor Leonov/Ruslan Akhmadeev (Kamaz) – a 7min37seg
5. #502 Federico Villagra/Adrian Yacopini/Ricardo Torlaschi (Iveco) – a 16min37seg
6. #510 Pascal De Baar/Wouter De Graaff/Martjin Roesink (Renault Trucks) – a 19min10seg
7. #505 Ton Van Genutgen/Anton Van Limpt/Bernhard Der Kinderen (Iveco) – a 19min40seg
8. #505 Eduard Nikolaev/Evgeny Yakovlev/Vladimir Rybakov (Kamaz) – a 23min29seg
9. #503 Ales Loprais/Jan Tomanek/Jiri Stross (Tatra) – a 25min08seg
10. #525 Wuf Van Ginkel/Bert Van Donkelaar/Erik Kofman (Iveco) – a 25min32seg

Classificação geral:

1. #513 Sotnikov/Leonov/Akhmadeev – 11h12min40seg
2. #502 Villagra/Yacopini/Torlaschi – a 1min55seg
3. #505 Nikolaev/Yakovlev/Rybakov – a 4min40seg
4. #515 Shibalov/Romanov/Amatych – a 5min34seg
5. #500 De Rooy/Torrallardona/Rodewald – a 14min15seg
6. #501 Mardeev/Belyaev/Svistunov – a 16min43seg
7. #510 De Baar/De Graaff/Roesink – a 17min17seg
8. #509 Versluis/Pronk/Klein – a 21min54seg
9. #504 Stacey/Van Der Vaet/Kupper – a 22min09seg
10. #505 Van Genutgen/Van Limpt/Der Kinderen – a 33min09seg

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>