MENU

4 de janeiro de 2017 - 20:27Rali Dakar

Nikolaev e Tatra levam primeira vitória nos caminhões

RIO DE JANEIRO (atualizado às 23h54) - Últimos a largar para a 3ª etapa, os caminhões tiveram uma especial mais curta que as outras categorias. Foram 199 km cronometrados e 757 km no total, incluindo os trechos de ligação. O neutralizado para os “brutos” foi suprimido. E numa performance sólida, o russo Eduard Nikolaev deu aos Kamaz Master sua primeira vitória neste Rali Dakar. O piloto líder da tripulação do #505 fechou a etapa em 2h45min41seg, quarenta e oito segundos à frente do tcheco Martin Kolomy, líder do Tatra #508 e que comandaria a classificação geral por apenas 33 segundos à frente dos russos – não fosse uma punição de 3 minutos que agora deixa os tchecos a 2min27seg da primeira posição.

Os holandeses, à exceção de Ton Van Genutgen, 3º colocado a 1min01seg de Nikolaev, tiveram um dia daqueles: Martin Van Den Brink ficou para trás logo no início da especial com muitos problemas em seu Renault Trucks. O campeão de 2016 Gerard De Rooy teve a incrível marca de três pneus furados em seu Iveco “Bicudo”: teve que se socorrer dos estepes do companheiro de equipe Wuf Van Ginkel para poder sobreviver na competição e tentar recuperar o – enorme – terreno perdido. Acabou por completar a etapa com 34 minutos de atraso em relação ao vencedor. Também o tcheco Ales Loprais começou a enfrentar um rosário de problemas e ficou para trás.

Quem salvou o dia da equipe De Rooy foi o argentino Federico Villagra, com mais um sólido resultado – 4º lugar. Siarhei Viazovich levou seu caminhão MAZ aos cinco primeiros postos, seguido por Hans Stacey e Peter Versluis, ambos com MAN. Dmitry Sotnikov classificou um segundo Kamaz Master em oitavo, seguido por Pascal De Baar num Renault Trucks e pelo Iveco de Van Ginkel.

Resultado da etapa #3
San Miguel de Tucumán-San Salvador de Jujuy
Total: 199 km cronometrados – 757 km

1. #505 Eduard Nikolaev/Evgeny Yakovlev/Vladimir Rybakov (Kamaz) – 2h45min51seg
2. #508 Martin Kolomy/René Kilián/David Kilián (Tatra) – a 48seg
3. #507 Ton Van Genutgen/Anton Van Limpt/Bernhard Der Kinderen (Iveco) – a 1min01seg
4. #502 Federico Villagra/Arturo Yacopini/Ricardo Torlaschi (Iveco) – a 4min33seg
5. #511 Siarhei Viazovich/Pavel Haranin/Andrei Zhyhulin (MAZ) – a 5min36seg
6. #504 Hans Stacey/Jan Van Der Vaet/Hugo Kupper (MAN) – a 11min38seg
7. #509 Peter Versluis/Artur Klein/Marcel Pronk (MAN) – a 11min50seg
8. #513 Dmitry Sotnikov/Ruslan Akhmadeev/Vladimir Leonov (Kamaz) – a 12min35seg
9. #510 Pascal De Baar/Martin Roesink/Wouter De Graaff (Renault Trucks) – a 13min09seg
10. #525 Wuf Van Ginkel/Erik Kofman/Bert Van Donkelaar (Iveco) – a 13min33seg

Classificação geral:

1. #505 Nikolaev/Yakovlev/Rybakov – 5h57min56seg
2. #508 Kolomy/R. Kilián/D. Kilián – a 2min27seg
3. #502 Villagra/Yacopini/Torlaschi – a 4min07seg
4. #511 Viazovich/Haranin/Zhyhulin – a 5min07seg
5. #509 Versluis/Klein/Pronk – a 10min47seg
6. #513 Sotnikov/Akhmadeev/Leonov – a 11min12seg
7. #504 Stacey/Van Der Vaet/Kupper – a 11min21seg
8. #514 Van Dem Heuvel/Kuijpers/Van Oort – a 16min49seg
9. #510 De Baar/Roesink/De Graaff – a 16min56seg
10. #515 Shibalov/Amatych/Romanov – a 21min16seg

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>