MENU

23 de janeiro de 2018 - 16:23IMSA Weather Tech SportsCar Championship

24h de Daytona 2018 – Quem é Quem, classe GTLM

RIO DE JANEIRO - Seguimos no blog com a apresentação das equipes que vão disputar neste fim de semana as 24h de Daytona, corrida inaugural da temporada 2018 do IMSA Weather Tech SportsCar Championship. E agora vamos com as escuderias inscritas na classe principal de Grã-Turismo – a GTLM.

Aqui, os carros são os mesmos baseados no regulamento FIA/ACO, vistos no World Endurance Championship e também nas 24h de Le Mans. Em sua maioria, são times que representam oficialmente os construtores cujos modelos são homologados para as competições internacionais. Os pilotos são profissionais, com graduações Ouro e Platina.

A IMSA tenta equilibrar as coisas através da aplicação do Balance of Performance (BoP), que por vezes cria algumas polêmicas. Nesta temporada de 2018, a grande notícia é a estreia de um carro inteiramente novo e desenvolvido pela BMW, primeiro dentro das pistas e depois para o mercado de rua – e não o contrário. A Porsche segue para o segundo ano de desenvolvimento do seu 911 GTE com motor central-traseiro, Ford e Ferrari vão para o terceiro ano de seus modelos (dizem que a Ford não segue em 2019) e a Corvette prepara o sucessor do C7-R, seguindo a tendência dos demais modelos da categoria.

Vamos às equipes:

CORVETTE RACING
Sede: New Hudson, Michigan
Site oficial: www.corvetteracing.com

CEO Pratt & Miller: Gary Pratt
Chefe de equipe: Doug Fehan
Diretor técnico: Doug Louth
Chefe de mecânicos: Dan Binks (#3) e Brian Hoye (#4)

Carro: Chevrolet Corvette C7-R
Motor: Chevrolet LS5 5,5 litros V8
Peso mínimo: 1240 kg

imsa-roar-2018-daytona-finish-order-25

Antonio Garcia e Jan Magnussen deram à Corvette o título em 2017 na GTLM

A Corvette Racing vem de mais uma conquista, somada às muitas dos carros amarelos nos EUA, seja na IMSA ou mesmo na extinta American Le Mans Series. Mesmo com um modelo já considerado superado e saturado, o “trovão” venceu quatro vezes e ainda deu para a dupla formada por Jan Magnussen e Antonio Garcia o título de pilotos. De quebra, a Chevrolet derrotou as rivais no campeonato de fabricantes, considerado tão ou mais importante para a marca do que o triunfo de seus pilotos.

imsa-roar-2018-daytona-finish-order-22

Para 2019, o construtor dos EUA deve apresentar um novo carro, em substituição ao modelo atual

Que, aliás, seguem os mesmos para 2018: Gary Pratt e Doug Fehan continuam comandando os mesmos recrutas, que levaram os dois últimos campeonatos da IMSA. Apesar da expectativa em poder alcançar o tricampeonato, o pensamento já está no próximo ano, uma vez que a Corvette já trabalha na preparação do sucessor do seu atual modelo, que seria também equipado com motor central-traseiro. Para Daytona, Sebring e Petit Le Mans, Mike Rockenfeller e Marcel Fässler reforçam a tripulação. No ROAR, ficaram com a 2ª e 5ª colocações.

Os pilotos do carro #3:

Jan Magnussen (Dinamarca)
Graduação: Platina
Data de nascimento: 04/07/1973 (44 anos)
Twitter: @janmagnussen

Antonio Garcia (Espanha)
Graduação: Platina
Data de nascimento: 05/06/1980 (37 anos)
Twitter: @AntonioGarcia_3

Mike Rockenfeller (Alemanha)
Graduação: Platina
Data de nascimento: 31/10/1983 (34 anos)
Twitter: @m_rockenfeller

Os pilotos do carro #4:

Oliver Gavin (Grã-Bretanha)
Graduação: Platina
Data de nascimento: 29/09/1972 (45 anos)
Twitter: @olivergavin

Tommy Milner (EUA)
Graduação: Platina
Data de nascimento: 28/01/1986 (31 anos)
Twitter: @TommyMilner

Marcel Fässler (Suíça)
Graduação: Platina
Data de nascimento: 27/05/1976 (41 anos)
Twitter: não tem

BMW TEAM RLL
Sede: Hilliard, Ohio
Site oficial: www.rahal.com

Proprietários: Bobby Rahal, David Letterman e Mike Lanigan
Chefe de equipe: Jim Prescott
Diretor técnico: Jay O’Connell
Engenheiros: Chris Yanchar (carro #24) e Bruno Couprie (carro #25)
Chefe de mecânicos: Mike Kranz (carro #24) e Jimmy Looper (carro #25)

Carro: BMW M8 GTE
Motor: BMW S63 4 litros V8 Turbo
Peso mínimo: 1240 kg

imsa-roar-2018-daytona-finish-order-29

#Mission8: a nova M8 GTE é a arma da BMW para 2018 e as próximas temporadas da IMSA e WEC

Para o campeonato de 2018, a BMW apresenta uma nova arma que marca o regresso dos bávaros inclusive às 24 Horas de Le Mans e também ao WEC: o novo modelo M8 GTE faz sua estreia oficial nas 24h de Daytona, cercado de muita expectativa. Porque mesmo com seu desenvolvimento atrasado – dizem que em seis meses – foi o modelo de competição que mais recebeu atenção do fabricante no que diz respeito à aerodinâmica. O novo carro realmente foi muito trabalhado nesse aspecto e a BMW fez com este modelo o que raros construtores fizeram. Começa desenvolvendo primeiro o carro de competição para depois trabalhar no lançamento da M8 de rua.

imsa-roar-2018-daytona-finish-order-28

O carro foi trabalhado para estrear primeiro nas pistas, antes de ser vendido nas concessionárias

Enquanto isso, a equipe se reforça: o finlandês Jesse Krohn e o estadunidense Connor De Philippi são as caras novas do projeto dos alemães, fazendo companhia a John Edwards e Alexander Sims. Martin Tomczyk fará parte do projeto do WEC e Bill Auberlen, veterano com mais de 200 provas pela marca, vai disputar apenas as provas longas. Aos 49 anos, o californiano está mais próximo da aposentadoria. Nas 24h de Daytona, estarão presentes também o holandês Nicky Catsburg, o austríaco Philipp Eng e o brasileiro Augusto Farfus, que terá um ano cheio – começando pela corrida da Flórida e passando por 12h de Bathurst, WEC, DTM e o que mais vier. No ROAR, dada à juventude do carro novo, a BMW ficou devendo em performance. Ficou com as últimas duas posições dos testes. Portanto, melhor não alimentar grandes expectativas.

Os pilotos do carro #24:

Jesse Krohn (Finlândia)
Graduação: Ouro
Data de nascimento: 03/09/1990 (27 anos)
Twitter: @JesseKrohn

John Edwards (EUA)
Graduação: Ouro
Data de nascimento: 11/03/1991 (26 anos)
Twitter: @JEdwardsRacing

Nicky Catsburg (Holanda)
Graduação: Ouro
Data de nascimento: 15/02/1988 (29 anos)
Twitter: @nickcatsburg

Augusto Farfus (Brasil)
Graduação: Platina
Data de nascimento: 03/09/1983 (34 anos)
Twitter: @augustofarfus

Os pilotos do carro #25:

Alexander Sims (Grã-Bretanha)
Graduação: Platina
Data de nascimento: 15/03/1988 (29 anos)
Twitter: @AlexanderSims

Connor De Philippi (EUA)
Graduação: Ouro
Data de nascimento: 25/12/1992 (25 anos)
Twitter: @CDePhilippi

Bill Auberlen (EUA)
Graduação: Platina
Data de nascimento: 12/10/1968 (49 anos)
Twitter: @Billauberlen

Philipp Eng (Áustria)
Graduação: Ouro
Data de nascimento: 28/02/1990 (27 anos)
Twitter: @Philipp_Eng

RISI COMPETIZIONE
Sede: Houston, Texas
Site oficial: www.risicompetizione.com

Proprietário: Giuseppe Risi
Chefe de equipe: David Sims
Chefe de mecânicos: Mark Sims
Engenheiros: Rick Mayer e Don Shaver

Carro: Ferrari 488 GTE
Motor: Ferrari F154CB 3,9 litros V8 Turbo
Peso mínimo: 1265 kg

Pena saber que a única Ferrari presente nas 24 Horas de Daytona na classe GTLM não disputará – por enquanto – a temporada completa. Giuseppe Risi decidiu optar por fazer apenas as corridas do NAEC e uma ou outra corrida pontual em 2018 por questões financeiras. Pelo menos para a corrida inaugural a equipe de Houston arrumou uns trocados e vai estampar o nome da Effex Management Solutions na pintura vermelha do carro #62.

imsa-roar-2018-daytona-finish-order-26

Temporada parcial: por razões financeiras, a Risi pode fazer apenas corridas pré-selecionadas em 2018 na classe GTLM

Mesmo economizando fora da pista, dentro dela a Risi terá um timaço. Alessandro Pier Guidi – disparado o piloto que mais trabalhou no ROAR, pois andou sozinho a bordo da #62 no início de janeiro – terá a companhia de outros três pilotos oficiais de fábrica: James Calado, Davide Rigon e Toni Vilander. O veterano Giancarlo Fisichella, que até o ano passado fazia parte da equipe, pelo visto não volta neste ano. Pier Guidi fez o 6º tempo nos treinos realizados em Daytona.

Os pilotos do carro #62:

Toni Vilander (Finlândia)
Graduação: Platina
Data de nascimento: 25/07/1980 (37 anos)
Twitter: @toni_vilander

Alessandro Pier Guidi (Itália)
Graduação: Platina
Data de nascimento: 18/12/1983 (34 anos)
Twitter: @Ale_PierGuidi

James Calado (Grã-Bretanha)
Graduação: Platina
Data de nascimento: 13/06/1989 (28 anos)
Twitter: @CaladoJames

Davide Rigon (Itália)
Graduação: Platina
Data de nascimento: 26/08/1986 (31 anos)
Twitter: @rigondavide

FORD CHIP GANASSI RACING
Sede: Indianápolis, Indiana
Site oficial: www.chipganassiracing.com

Proprietários: Chip Ganassi e Felix Sabates
Diretor esportivo: Mike O’Gara

Carro: Ford GT
Motor: Ford EcoBoost 3,5 litros V6 Turbo
Peso mínimo: 1265 kg

imsa-roar-2018-daytona-finish-order-21

Joey Hand foi o mais rápido do ROAR no início do mês, com o carro #66 da Chip Ganassi Racing

Muitos dizem que esta poderá ser a última temporada do belíssimo Ford GT EcoBoost, que em dois anos venceu as 24 Horas de Le Mans e as 24 Horas de Daytona, derrotando suas principais concorrentes na divisão principal de Grã-Turismo. E por isso mesmo a marca já estaria satisfeita com o retorno de mídia e preparando inclusive o terreno para um projeto DPi – usando a mesma mecânica do Ford GT. Mas enquanto isso não ocorre, a equipe de Chip Ganassi continua com o programa IMSA para o terceiro ano.

imsa-roar-2018-daytona-finish-order-23

Ninguém desmente: há rumores de que este poderá ser o último ano do programa Ford na GTLM

E sem nenhuma modificação na pista, uma vez que os pilotos seguem os mesmos. As duplas formadas por Joey Hand/Dirk Müller e Richard Westbrook/Ryan Briscoe terminaram o último campeonato com os mesmos 306 pontos somados e a equipe ganhou duas vezes – sempre com Hand/Müller, que além de faturar a prova de abertura no último ano ganharam também em Road America. De novidade, mesmo, só a mudança na programação visual dos carros, com uma pintura metalizada. Para a corrida de abertura, Sébastien Bourdais – totalmente recuperado do acidente sofrido ano passado no Pole Day de Indianápolis – e o neozelandês Scott Dixon reforçam as tripulações. Dessa vez, a Ford não terá os carros do WEC, a exemplo do que ocorreu nos últimos anos. No ROAR, os bólidos ficaram com a primeira e a terceira colocações.

Os pilotos do carro #66:

Joey Hand (EUA)
Graduação: Platina
Data de nascimento: 10/02/1979 (38 anos)
Twitter: @JoeyHandRacing

Dirk Müller (Alemanha)
Graduação: Platina
Data de nascimento: 18/11/1975 (42 anos)
Twitter: @muellerdirk

Sébastien Bourdais (França)
Graduação: Platina
Data de nascimento: 28/02/1979 (38 anos)
Twitter: @BourdaisOnTrack

Os pilotos do carro #67:

Richard Westbrook (Grã-Bretanha)
Graduação: Platina
Data de nascimento: 10/07/1975 (42 anos)
Twitter: @RWestbrook1

Ryan Briscoe (Austrália)
Graduação: Platina
Data de nascimento: 24/07/1981 (36 anos)
Twitter: @Ryan_Briscoe

Scott Dixon (Nova Zelândia)
Graduação: Platina
Data de nascimento: 22/07/1980 (37 anos)
Twitter: @scottdixon9

PORSCHE GT TEAM
Sede: Rock Hill, Carolina do Sul
Site oficial: www.porsche.com

CORE Autosport CEO: Jonathan Bennett
Chefe de equipe: Morgan Brady
Chefe de mecânicos: Eric Haverson

Carro: Porsche 911 RSR GTE
Motor: Porsche 4 litros Flat 6
Peso mínimo: 1250 kg

imsa-roar-2018-daytona-finish-order-27

A Porsche conquistou uma vitória e somou seis pódios com o 911 RSR GTE em sua primeira temporada na IMSA

Uma vitória – em Lime Rock – e seis pódios: o saldo da Porsche no primeiro ano do modelo 911 RSR GTE, desenvolvido e concebido com motor central-traseiro, até que foi bastante positivo. Agora o construtor alemão espera por melhores performances em sua segunda temporada com o carro, para poder voltar a conquistar títulos como em 2015, quando Patrick Pilet foi campeão naquela oportunidade, conquistando inclusive uma histórica vitória na geral em Road Atlanta, por ocasião da Petit Le Mans.

imsa-roar-2018-daytona-finish-order-24

Os reforços para 2018 serão os campeões de Le Mans Earl Bamber e Nick Tandy

A equipe ianque da Porsche tem novidades: com o fim do programa do WEC, dois vencedores de Le Mans – Nick Tandy e Earl Bamber – foram remanejados para os EUA e iniciaram os trabalhos no ROAR junto a Patrick Pilet e Laurens Vanthoor. Gianmaria Bruni – que disputará o Mundial de Endurance e Fred Makowiecki, este mais à disposição para as corridas de GT3 em que a Porsche estará envolvida neste ano, completam o lineup para a corrida da Flórida. No ROAR, os carros ficaram na 3ª e sétima colocações da categoria.

Os pilotos do carro #911:

Patrick Pilet (França)
Graduação: Platina
Data de nascimento: 08/10/1981 (36 anos)
Twitter: @PatrickPilet

Nick Tandy (Grã-Bretanha)
Graduação: Platina
Data de nascimento: 05/11/1984 (33 anos)
Twitter: @NickTandyR

Fred Makowiecki (França)
Graduação: Platina
Data de nascimento: 22/11/1980 (37 anos)
Twitter: @FredMako1

Os pilotos do carro #912:

Laurens Vanthoor (Bélgica)
Graduação: Platina
Data de nascimento: 08/05/1991 (26 anos)
Twitter: @VanthoorLaurens

Earl Bamber (Nova Zelândia)
Graduação: Platina
Data de nascimento: 09/07/1990 (27 anos)
Twitter: @earlbamber

Gianmaria Bruni (Itália)
Graduação: Platina
Data de nascimento: 30/05/1981 (36 anos)
Twitter: @GianmariaBruni

1 comentário

  1. Fernando Silva disse:

    Tem vários vídeos no Youtube sobre o Roar…pelo que vi, Ford e Porsche parecem vir mais fortes para esta prova. Porém, jamais devemos menosprezar o Trovão…se eu tivesse que apostar, para levar a prova na GTLM, vou de Dirk Muller/Joey Hand com o #66.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>