MENU

11 de janeiro de 2018 - 19:58Rali Dakar

Dakar 2018: Sainz ganha 6ª etapa e desconta diferença para Peterhansel

800

Na chegada à Bolívia, a hora e a vez de “El Matador” Carlos Sainz tirar um pouco da vantagem do líder geral, Stéphane Peterhansel

RIO DE JANEIRO - A quinta-feira foi de “El Matador” na chegada do Rali Dakar à altitude boliviana. O veterano Carlos Sainz e seu navegador Lucas Cruz Senra prometem oferecer resistência a Stéphane Peterhansel e Jean-Paul Cottret, na luta pela vitória na quadragésima edição da maior prova off-road do mundo. E hoje, os espanhóis tiraram alguns minutos da vantagem que os franceses já pensavam em administrar.

De pouco mais de meia hora entre eles, a diferença já baixou para 27min10seg, com Sainz/Cruz Senra vitoriosos na etapa que teve 313 km cronometrados ao marcar 2h53min30seg. Uma especial bastante rápida, após a comitiva deixar para trás as dunas do Peru, agora tendo como vilã o altiplano. Em alguns pontos, a altitude máxima superou 4 mil metros acima do nível do mar, o que é decisivo na questão da potência dos motores.

Peterhansel/Cottret não puderam contra os companheiros de equipe e se contentaram mesmo com a segunda colocação, a 4min06seg na etapa. A Toyota segue em busca do improvável e enquanto houver possibilidades, seus três pilotos oficiais tentarão o possível e o impossível para alcançar os Peugeot Maxi 3008 DKR. Dessa vez, Nasser Al-Attiyah/Matthieu Baumel perderam pouco mais de cinco minutos na trilha. Ficaram em 3º lugar, na frente de Giniel De Villiers, com o holandês Bernhard Ten Brinke em sétimo.

Muito atrasados, Cyril Despres/David Castera e Mikko Hirvonen/Andreas Schulz tiveram um bom dia e conseguiram colocações decentes numa etapa em que não tiveram grandes problemas – ao contrário dos dias anteriores. O argentino Lucio Alvarez e seu navegador Robert Howie fecharam com o 8º lugar, na frente do tcheco Martin Prokop e do polonês Kuba Przygonski, que vem a caminho de salvar o péssimo Rali Dakar da Mini. Com o atraso de alguns adversários que estavam à sua frente, ele já conseguiu alcançar um honroso sexto posto na classificação geral.

Classificação da etapa #6:
Arequipa-La Paz
313 km cronometrados – 760 km de percurso

1. #303 Carlos Sainz/Lucas Cruz Senra (Peugeot) – 2h53min30seg
2. #300 Stéphane Peterhansel/Jean-Paul Cottret (Peugeot) – a 4min06seg
3. #301 Nasser Al-Attiyah/Matthieu Baumel (Toyota) – a 5min01seg
4. #304 Giniel De Villiers/Dirk Von Zitzewitz (Toyota) – a 5min31seg
5. #308 Cyril Despres/David Castera (Peugeot) – a 8min49seg
6. #305 Mikko Hirvonen/Andreas Schulz (Mini Buggy) – a 8min56seg
7. #309 Bernhard Ten Brinke/Michel Périn (Toyota) – a 9min31seg
8. #318 Lucio Alvarez/Robert Howie (Toyota) – a 12min26seg
9. #311 Martin Prokop/Jan Tomanek (Ford) – a 12min31seg
10. #312 Kuba Przygonski/Tom Colsoul (Mini All4Racing) – a 12min39seg

Classificação geral extra-oficial:

1. Stéphane Peterhansel/Jean-Paul Cottret – 16h25min02seg
2. Carlos Sainz/Lucas Cruz Senra – a 27min10seg
3. Bernhard Ten Brinke/Michel Périn – a 1h20min41seg
4. Nasser Al-Attiyah/Matthieu Baumel – a 1h24min20seg
5. Giniel De Villiers/Dirk Von Zitzewitz – a 1h35min59seg
6. Kuba Przygonski/Tom Colsoul – a 2h25min16seg
7. Martin Prokop/Jan Tomanek – a 2h25min52seg (incluindo +10min de penalização)
8. Khalid Al Qassimi/Xavier Panseri – a 2h29min06seg
9. Eugenio Amos/Sébastien Delaunay – a 2h30min58seg
10. Patrick Sireyjol/Xavier-François Beguin – a 3h25min35seg (incluindo +24min de penalização)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>