MENU

8 de janeiro de 2019 - 15:33Rali Dakar

Dakar 2019: Chaleco López fatura etapa e Varela segue na ponta dos SxS

foto_0000000120190107175944

Ameaça: Chaleco López vence a segunda etapa do Rali Dakar nos SxS e incomoda a liderança de Reinaldo Varela, o atual campeão

RIO DE JANEIRO - Dia de importante recuperação para o atual campeão da categoria SxS e seu copiloto Gustavo Gugelmin: o experiente Reinaldo Varela mantém a liderança geral do Rali Dakar em sua classe, com o 2º lugar conquistado na especial desta terça-feira entre Pisco e San Juan de Marcona.

A reação da dupla do Can-Am da equipe Monster Energy foi espetacular, já que Varela passou com o 21º tempo no primeiro waypoint, tendo perdido seis minutos. Eles chegaram a ficar a 8min30seg do mais rápido, mas a segunda metade dos 342 km do percurso cronometrado foi sensacional. Tanto que descontaram o suficiente para completar a apenas 19 segundos dos vencedores do dia, Chaleco López e Alvaro Leon Quintanilla, que fizeram o tempo de 4h09min47seg.

Os russos Sergey Kariakin e Anton Vlasiuk mostram que vão dar trabalho se não tiverem problemas: chegaram em 3º na etapa a 1min51seg e seguem na mesma posição no acumulado geral, em que Varela tem 1min08seg de frente para Chaleco. Gérard Farres Guell foi o quarto mais rápido da etapa e mais uma vez a dupla Marcos Baumgart/Kleber Cincea fez um ótimo trabalho, para chegar a 6min17seg da liderança. No acumulado, a dupla do X Rally Team surpreende com a sexta posição.

Um dos destaques do dia foi o novato português Ricardo Porém, que ‘namorou’ um top 5 na etapa, mas acabou perdendo performance ao final da especial, para terminar na nona colocação, a quase 18 minutos de Chaleco López. Navegado por Lourival Roldan, seu compatriota Miguel Jordão chegou em décimo e a dupla luso-brasileira ocupa a mesma posição na classificação geral do Dakar nos SxS.

Cristian Baumgart/Beco Andreotti fizeram o 15º tempo, com 4h50min02seg – estão agora em 16º na geral. Bruno Varela/Maykel Justo largaram em décimo na etapa, começaram bem até o primeiro waypoint, mas depois tiveram uma jornada infeliz. Atrasaram duas horas e onze minutos, completando enfim o trecho cronometrado – e despencando para os úlltimos lugares na classificação geral.

Etapa #2 – Pisco-San Juan de Marcona
Ligação: 211 km
Trecho cronometrado: 342 km
Total: 553 km

Resultado – SxS:

1. #360 Chaleco López Contardo/Alvaro Leon Quintanilla (Can-Am) – 4h09min47seg
2. #340 Reinaldo Varela/Gustavo Gugelmin (Can-Am) – a 19seg
3. #344 Sergey Kariakin/Anton Vlasiuk (BRP) – a 1min51seg
4. #358 Gérard Farres Guell/Daniel Oliveras Carreras (Can-Am) – a 4min22seg
5. #412 Marcos Baumgart/Kleber Cincea (Can-Am) – a 6min17seg
6. #421 Rodrigo Moreno Piazzoli/Jorge Araya (Can-Am) – a 6min55seg
7. #361 Ignácio Casale/Americo Aliaga (Yamaha) – a 9min37seg
8. #366 Hernán Garcés/Juan Pablo Latrach (Can-Am) – a 11min46seg
9. #378 Ricardo Porém/Jorge Monteiro (Can-Am) – a 17min13seg
10. #372 Miguel Jordão/Lourival Roldan (Can-Am) – a 18min42seg

Classificação geral extra-oficial:

1. Varela/Gugelmin – 5h21min19seg
2. Chaleco/Quintanilla – a 1min08seg
3. Kariakin/Vlasiuk – a 6min35seg
4. Farres Guell/Oliveras Carreras – a 6min35seg
5. Moreno Piazzoli/Araya – a 10min20seg
6. Baumgart/Cincea – a 10min53seg
7. Casale/Aliaga – a 12min57seg
8. Garcés/Latrach – a 20min02seg
9. Porém/Monteiro – a 24min30seg
10. Jordão/Roldan – a 25min02seg

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>