MENU

12 de agosto de 2016 - 00:51Fórmula 3

Esquenta a briga entre Collard e Leist na F3 inglesa

Collard-05

Essa cena se repetiu cinco vezes neste ano: Ricky Collard é o cara a ser batido. Mas o brasileiro Matheus Leist está no páreo. Quem viver, verá…

RIO DE JANEIRO - Falta só uma rodada tripla. Em jogo, o título de Campeão Inglês de Fórmula 3, no ano em que a categoria voltou ao mapa do esporte após sucumbir de forma melancólica há poucos anos. São 95 pontos em jogo na finalíssima em Donington Park. E apenas quinze separam o líder Ricky Collard do vice, o brasileiro Matheus Leist. Teoricamente, o 3º colocado Thomas Randle ainda reúne chances matemáticas, mas ninguém duvida que o “pega pra capar” será entre os dois primeiros da tabela.

A última rodada tripla aconteceu no fim de semana passado em Snetterton, outro dos tradicionalíssimos circuitos do Reino Unido. Collard e Leist estiveram absolutamente próximos em todas as provas, o tempo todo. O azar do brasileiro foi que o rival venceu duas vezes – nas provas #1 e #3 e o piloto da Double R só foi superior por um pontinho na prova #2. A diferença entre os dois, antes dessa rodada tripla, era de somente quatro pontos e foi ampliada por conta das melhores performances do britânico da Carlin.

Um dos chamados fiéis da balança na última prova foi o russo Nikita Mazepin, que venceu com autoridade a prova #2, correndo no carro que foi de Lando Norris e de Colton Herta noutras oportunidades. Harrison Scott foi outro piloto que apareceu com força e roubou pontos dos principais contendores ao título na corrida que ofertou menos pontos aos competidores.

O outro brasileiro no Campeonato Inglês de Fórmula 3 teve desempenho discreto: Enzo Bortoleto só conseguiu um 8º posto como melhor resultado e está em nono na classificação. Dependendo da combinação de resultados – e da participação (ou não) de alguns adversários – ele pode terminar a competição num mais do que razoável 6º lugar.

Leist terá que fazer o que fez no ano inteiro. Com três vitórias, o gaúcho tem que ser competente dentro da pista e contar com a sorte também. Collard ganhou cinco provas e só teve um abandono em 20 corridas realizadas – já que a prova #3 da rodada de Silverstone foi cancelada.

Aguardemos então pelo fim de semana de 10 e 11 de setembro para saber se o Brasil volta a figurar com mais um piloto no galardão de grandes nomes da Fórmula 3 inglesa.

5 comentários

  1. TARCISIO FRASCINO FONSECA disse:

    Endereço do site
    http://www.britishf3.com/

  2. Claudio disse:

    Haha, pelo vencedor da prova 2 da pra ter uma ideia da qualidade desse campeonato… qualquer categoria onde Nikita Mazepin vence com autoridade é uma piada, o cara consegue ser pior que o Pedro Piquet é o Harrison Newey na F3 Euro

    • Rodrigo Mattar disse:

      O Mazepin é meio doido. Ou melhor, muito doido.

      Mas tem o que muita equipe precisa: grana.

      • Claudio disse:

        Em duas baterias da F3 Euro em Spa ele largou lá na frente, uma loucura haha, só numa das baterias ele durou e chegou em oitavo, se não me engano. 5 pontos no campeonato

  3. ags disse:

    Diz e corre um zun zun.. aqui no df.que piquet pai recolheu o pimpolho.. vai fazer o brasileiro de endurance..pela FNM..rssss

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>