Oficial: anunciados quase todos os pilotos para as 24 Horas de Le Mans!

O

unnamed

RIO DE JANEIRO – Após a confirmação dos horários das verificações técnico-administrativas que acontecem na Place des Jacobins e da divulgação da distribuição dos boxes e demais lugares do paddock, faltava o principal. E o principal já se conhece a partir de hoje: o Automobile Club de l’Ouest (ACO) divulgou a lista oficial de inscritos para a 85ª edição das 24 Horas de Le Mans, que acontecem em 17 e 18 de junho.

Na verdade, entre os 180 pilotos aguardados, falta apenas um: é que a Proton Competition ainda não indicou o terceiro nome que formará no carro #88 junto aos estreantes Nick Yelloly e Stéphane Lemeret. De resto, as confirmações finais de vários times foram conhecidas hoje e houve ainda um ajuste no lineup de pilotos da Toyota.

A montadora japonesa optou por repetir em Sarthe a mesma trinca do ano passado no carro #7, trazendo o “Mister Pole” Stéphane Sarrazin para competir de novo com Mike Conway e Kamui Kobayashi. Assim, o argentino José María “Pechito” López é remanejado para o #9, a inscrição extra que terá a bordo também o experiente e veloz Nicolas Lapierre e o novato japonês Yuji Kunimoto. Com essa decisão, a Toyota espera ter dois carros fortes e não um e meio.

Na ByKolles, nenhuma surpresa: o austríaco Dodo Kraihamer está garantido no carro #4 do time junto a James Rossiter e Oliver Webb. Novidade mesmo é a confirmação do terceiro piloto do #22 da G-Drive Racing, com o mexicano José Gutiérrez – estreante em Le Mans – ocupando a vaga que é de Léo Roussel no ELMS.

A Graff Racing não trocou ninguém no carro #40 e confirmou hoje que Franck Matelli e Richard Bradley formarão com James Allen a trinca na classe LMP2.

Dos quatro nomes que faltavam conhecer na LMGTE-AM, foram anunciados três: o veterano Olivier Beretta, ausente no ano passado, regressa aos 47 anos para sua 21ª participação em Sarthe, substituindo Miguel Molina na Ferrari #54 da Spirit of Race. Na #55, Aaron Scott completa a trinca assim como o italiano Marco Cioci, ao lado de Duncan Russell Cameron.

Dos 179 pilotos anunciados, 40 são estreantes nas 24 Horas de Le Mans – três deles, brasileiros: Rubens Barrichello (Racing Team Nederland), André Negrão (Signatech-Alpine Matmut) e Daniel Serra (Aston Martin Racing). O ACO diz que são 31 nações com pelo menos um piloto cada, mas aí fica a dúvida sobre a nacionalidade de David Cheng e Ho-Pin Tung, que têm ascendência chinesa. Na opinião do blogueiro, são 32. Paciência…

De acordo com a listagem, a França comparece com o maior número de participantes – 33 no total, contra 30 da Grã-Bretanha, 18 dos EUA (se considerarmos David Cheng), 11 da Itália, nove da Suíça e oito do Brasil, o sexto país em quantidade no grid em Sarthe neste ano.

A lista oficial de inscritos está AQUI

Sobre o Autor

Rodrigo Mattar

11 Comentários

  • Será interessante também ver os ex-Audi na LMGTE-Pro: Lucas Di Grassi de Ferrari e Marcel Fasler de Corvette…aliás, na Pro o Brasil não terá do que reclamar no quesito postulantes à vitória na classe. Além do Di Grassi, vai ter o Daniel Serra no Aston e, para mim aquele que terá a maior chance, o Pipo Derani…impressionante como ele se entrosou na trinca do #67, parece que guia com os caras desde o início da equipe, ano passado.
    Que venha logo o fim de semana de 17 e 18 de Junho e, torço para que sejamos brindados novamente com a transmissão dos feras do Fox Sports…sei que tem futebol e até mesmo uma etapa da Xfinity para coincidir o horário, mas o que o canal fez ano passado foi memorável.

    • Só mais uma coisa: Na LMP2 também teremos três brasileiros na disputa, mas acho bem mais complicado aponta-los como favoritos…até porque a classe as vezes é meio “loteria”.

    • Gosto da Nascar, morei 4 anos na California, ia frequentemente a Pittsburg e já fui em algumas corridas da categoria, tanto as principais, quanto as menores, mas, convenhamos, abdicar de um segundo de Le Mans para transmitir qualquer outra categoria é crime capital!

  • Bom dia!
    Estou tentando comprar ingressos para as 24 horas, mas o site da ACO sempre dá um erro.
    É assim msm? Tem alguma outra forma de adquirir os ingressos?
    Vlw!!!

    • Muitas arquibancadas já estão inteiramente vendidas, Brunno (muitas pessoas compram no ano anterior), mas se o seu intuito é comprar a entrada “normal” que dá acesso a todo o circuito (que, de memória, está em 84 euros), você poderá comprá-la no próprio autódromo. Essas são ilimitadas. Neste caso, prefira chegar com transporte público, porque os estacionamentos, para quem não comprou com antecedência, são bem mais complicados.

Por Rodrigo Mattar

Reclames

Perfil

Rodrigo Mattar, carioca de 49 anos. Apaixonado por automobilismo desde os nove, é jornalista especializado em esportes a motor desde 1998. Estagiou no Jornal do Brasil e numa assessoria de comunicação antes de ingressar na Rede Globo. Em 2003, foi para o SporTV, onde foi editor dos hoje extintos programas Grid Motor e Linha de Chegada. No mesmo ano, iniciou sua trajetória como comentarista, estreando numa transmissão de uma corrida de Stock Car, realizada no saudoso Autódromo de Jacarepaguá. Há sete anos, está no Fox Sports, atuando como editor responsável do programa Fox Nitro e comentarista de diversas categorias, entre as quais Rali Dakar, Nascar, MXGP, WTCC, WRC, FIA WEC, IMSA, Fórmula E, WTCR e Superbike Series Brasil. Conduz o blog A Mil Por Hora, agora no GRANDE PRÊMIO, desde 2008.

Arquivos

Categorias

Nuvem de Tags

Twitter

Reclames

Facebook

Mais reclames