MENU

16 de janeiro de 2019 - 18:20Rali Dakar

Dakar 2019: Nikolaev rumo ao título nos Caminhões

500-team-kamaz-master-eduard-n

Em meio aos altos e baixos nas etapas do Rali Dakar, Eduard Nikolaev teve mais sorte e competência que Dmitry Sotnikov e deve conquistar o título nos Caminhões novamente – seu quarto como piloto e quinto na carreira, já que foi mecânico da lenda Vladimir Chagin

RIO DE JANEIRO - Gangorra russa na competição dos “brutos” na reta final: ora Dmitry Sotnikov consegue a vitória, ora é Eduard Nikolaev, novamente líder geral, que ri por último. E hoje deu o piloto do caminhão #500, que busca seu quinto título – um deles foi como mecânico de Vladimir Chagin, hoje seu chefe de equipe – na competição.

O representante da Kamaz-Master venceu os 313 km da especial “laço” em Pisco com o tempo de 4h19min37seg, superando o bielorusso Siarhei Viazovich e seu MAZ por 14min03seg. Sotnikov acabou a especial em terceiro lugar e após estar 26min49seg à frente no tempo acumulado mercê a vitória da véspera, a diferença subiu para 28min35seg a favor de Nikolaev.

Em nenhum momento a equipe russa impôs ordens de equipe para beneficiar Nikolaev em detrimento de Sotnikov, mas num trecho cronometrado curto – 112 km nesta quinta-feira entre Pisco e Lima – dificilmente as posições sofrerão algum tipo de mudança.

Gerard De Rooy vem em 3º na geral, mas perdeu tempo em relação aos rivais russos por conta de um furo no pneu dianteiro esquerdo. Ele tinha o segundo melhor tempo da etapa nos primeiros waypoints, cedendo nada menos que 27 minutos em relação aos adversários. Não fosse o problema, teria sido no mínimo 2º na penúltima especial, à frente de Viazovich. Foi quinto, atrás do Tatra de Ales Loprais.

Os demais Iveco que estão na linha de frente chegaram ao final da especial em sexto com o holandês Maurik Van den Heuwel e nono com o argentino “Coyote” Villagra.

Etapa #9 – Pisco-Pisco
Ligação: 96 km
Trecho cronometrado: 313 km
Total: 409 km

Resultado – caminhões:

1. #500 Nikolaev/Yakovlev/Rybakov (Kamaz-Master) – 4h19min37seg
2. #501 Viazovich/Haranin/Zhyhulin (MAZ) – a 14min03seg
3. #514 Sotnikov/Nikitin/Mustafin (Kamaz-Master) – a 27min43seg
4. #507 Loprais/Marco Alcayna/Pokora (Tatra) – a 28min30seg
5. #503 De Rooy/Rodewald/Torrallardona (Iveco) – a 31min07seg
6. #513 Van Den Heuwel/Kuijpers/Van Rooy (Iveco) – a 52min57seg
7. #511 Vishneuski/Novikau/Neviarovich (MAZ) – a 1h19min48seg
8. #519 Vasilievski/Vikhrenka/Zaparoschanka (MAZ) – a 1h25min12seg
9. #505 Villagra/Yacopini/Torlaschi (Iveco) – a 1h25min47seg
10. #510 Sugawara/Hamura (Hino) – a 2h23min19seg

Classificação geral extra-oficial:

1. Nikolaev/Yakovlev/Rybakov – 39h24min52seg
2. Sotnikov/Nikitin/Mustafin – a 28min35seg
3. De Rooy/Rodewald/Torrallardona – a 1h35min10seg
4. Villagra/Yacopini/Torlaschi – a 5h47min44seg (+15min de penalização)
5. Loprais/Marco Alcayna/Pokora – a 6h05min02seg
6. Viazovich/Haranin/Zhyhulin – a 6h19min14seg (+1h02min de penalização)
7. Vasilievski/Vikhrenka/Zaparoschanka – a 10h23min39seg (+2h22min25seg de penalização)
8. Sugawara/Hamura – a 11h12min02seg (+1h15min de penalização)
9. Van Den Heuwel/Kuijpers/Van Rooy – a 11h56min32seg (+1h de penalização)
10. Vishneuski/Novikau/Neviarovich – a 24h14min10seg (+4h de penalização)

Comentários encerrados.