Para quem não viu: GT World Challenge Europe Sprint, rodada de Misano

P

RIO DE JANEIRO – Bastante afetada por conta da Pandemia do Covid-19, a temporada 2020 do GT World Challenge Europe Sprint terá menos eventos – quatro no total – o que implica que, para cumprir o número de dez corridas pré-estabelecidas para o certame de provas com duração de 60 minutos, haveria a necessidade de se fazer rodadas triplas.

E a primeira aconteceu logo na abertura da competição em Misano. Foram três baterias disputadas no traçado do Marco Simoncelli World Circuit, com vitórias partilhadas entre as equipes WRT e AKKA-ASP. Charles Weerts/Dries Vanthoor ganharam duas vezes, Timur Boguslavskiy/Raffaele Marciello, uma.

Isso faz de Vanthoor/Weerts os líderes na classificação com 40,5 pontos somados, doze e meio à frente de Arthur Rougier/Christopher Haase.

A próxima etapa da competição Sprint será na pista francesa de Magny-Cours.

Sobre o Autor

Rodrigo Mattar

Adicione um Comentário

Reclames

Perfil

Rodrigo Mattar, carioca de 49 anos. Apaixonado por automobilismo desde os nove, é jornalista especializado em esportes a motor desde 1998. Estagiou no Jornal do Brasil e numa assessoria de comunicação antes de ingressar na Rede Globo. Em 2003, foi para o SporTV, onde foi editor dos hoje extintos programas Grid Motor e Linha de Chegada. No mesmo ano, iniciou sua trajetória como comentarista, estreando numa transmissão de uma corrida de Stock Car, realizada no saudoso Autódromo de Jacarepaguá. Há sete anos, está no Fox Sports, atuando como editor responsável do programa Fox Nitro e comentarista de diversas categorias, entre as quais Rali Dakar, Nascar, MXGP, WTCC, WRC, FIA WEC, IMSA, Fórmula E, WTCR e Superbike Series Brasil. Conduz o blog A Mil Por Hora, agora no GRANDE PRÊMIO, desde 2008.

Arquivos

Categorias

Nuvem de Tags

Twitter

Reclames

Facebook

Mais reclames