ELMS com 41 carros anunciados para o Red Bull Ring

E
Ausente do calendário desde 2018, o evento do Red Bull Ring retorna no fim de semana de 14 a 16 de maio como 2ª etapa do ELMS 2021

RIO DE JANEIRO – O próximo fim de semana será movimentado no Endurance – não só nos EUA como também em território europeu: dia 16 acontece a 2ª etapa do European Le Mans Series (ELMS), com a disputa das 4h do Red Bull Ring, em Spielberg, na região austríaca da Estíria.

Segundo a Le Mans Endurance Management (LMEM), organizadora da série, um total de 41 carros é aguardado para o evento, sendo 32 protótipos divididos nas classes LMP2 e LMP3, fora nove modelos de Grã-Turismo – um deles, inclusive, tem estreia prevista: ausente em Barcelona por conta de Covid-19 contraída por François Perrodo e Emmanuel Collard, o carro #88 da AF Corse terá os dois franceses a bordo, mais Alessio Rovera.

A relação de 16 carros na LMP2 é a mesma da primeira corrida, mas com alterações já confirmadas entre os inscritos ou por confirmar. O Racing Team Turkey, por exemplo, não poderá contar com Harry Tincknell no carro #34, já que o britânico estará a serviço da Mazda em Mid-Ohio, pela IMSA. A equipe promoverá a estreia de Logan Sargeant, estadunidense de 20 anos que está no FIA F3 pela Prema Powerteam.

Por outro lado, a DragonSpeed consta com Ricky Taylor entre os inscritos – mas é sabido que o piloto também corre na IMSA, onde é o líder do campeonato. E a equipe de Elton Julian já confirmou que o substituto dele será Gustavo Menezes, que não terá compromissos com a LMP2 naquele fim de semana – tampouco no WEC, cuja 2ª etapa será somente em junho.

Nessa relação tam´bém não consta o nome de Pietro Fittipaldi: a listagem tem data de 29 de abril e não havia ainda a certeza se o brasileiro correrá na Áustria. Roberto Mehri, que o substituiu na prova do WEC em Spa, consta como o companheiro de John Falb e Rui Andrade no carro #25. Devo crer que Pietro estará à disposição da IndyCar, posto que dia 18 começam os treinos preparatórios para as 500 Milhas de Indianápolis, corrida na qual ele está inscrito pela Dale Coyne.

Se for assim, uma pena que ele não possa defender a vice-liderança na classificação paralela da LMP2 Pro-Am e tentar alcançar a Ultimate Racing, que triunfou na Espanha nessa subdivisão.

Outra mudança ainda não confirmada é na LMP3, que também contará com um plantel de 16 carros na segunda prova do certame: o belga Ulysse de Pauw, de 19 anos apenas, será o substituto de Julien Falchero no #13 da Inter Europol Competition, ao lado de Martin Hippe e do compatriota Ugo de Wilde.

Ulysse não será a única novidade no plantel: a Eurointernational promove a estreia do turco Cem Bolubaksi, que vem das competições de automobilismo virtual e disputava provas do Europeu de GT4 ano passado. O holandês Joey Alders também terá sua primeira participação na temporada.

Cooper MacNeil, sem compromisso na IMSA, faz também sua primeira prova com a Proton Competition no Porsche #77 patrocinado pela empresa de seu pai, a Weathertech. Aliás, ele fará as demais provas pela equipe até o fim do campeonato. Cooper substitui o piloto júnior da Porsche Jaxon Evans. Matt Campbell completará o trio do 911 RSR-19 no Red Bull Ring, no lugar de Gianmaria Bruni. Apenas Christian Ried segue a bordo em relação às 4h de Barcelona.

O trio Louis Déletraz/Yifei Ye/Robert Kubica chega à 2ª etapa cheio de moral com a vitória em Barcelona, no ‘tour de force’ do Team WRT em sua estreia como competidor full season do ELMS. Gabriel Aubry, que ajudou Julien Canal e Will Stevens na abertura, deverá ser substituído por James Allen. O trio da Panis Racing vem em segundo na tabela.

Na Pro-Am, liderança para Jean-Baptiste e Matthieu Lahaye, mais François Hériau, tendo Falb, Andrade e Pietro Fittipaldi em 2º lugar. A trinca da Cool Racing comanda a tabela na LMP3 graças a Nicolas Maulini/Matt Bell/Nicklas Krütten, à frente de Alex Kapadia/Malthe Jakobsen/Michael Benham.

Miguel Molina, mais Rino Mastronardi e Matteo Cressoni lideram com a Ferrari da IronLynx Racing na classificação da LMGTE, seis pontos à frente de Ried, Evans e Bruni.

As 4h do Red Bull Ring terão largada às 11h locais (6h de Brasília) no próximo dia 16.

Sobre o Autor

Rodrigo Mattar

1 Comentário

  • Realmente esse pessoal da WRT não veio para brincar e, se não abrirem o olho, vão “papar” mais uma, ganhar mais rodagem e partir para o título da série.

Por Rodrigo Mattar

Reclames

Perfil

Rodrigo Mattar, carioca de 49 anos. Apaixonado por automobilismo desde os nove, é jornalista especializado em esportes a motor desde 1998. Estagiou no Jornal do Brasil e numa assessoria de comunicação antes de ingressar na Rede Globo. Em 2003, foi para o SporTV, onde foi editor dos hoje extintos programas Grid Motor e Linha de Chegada. No mesmo ano, iniciou sua trajetória como comentarista, estreando numa transmissão de uma corrida de Stock Car, realizada no saudoso Autódromo de Jacarepaguá. Há sete anos, está no Fox Sports, atuando como editor responsável do programa Fox Nitro e comentarista de diversas categorias, entre as quais Rali Dakar, Nascar, MXGP, WTCC, WRC, FIA WEC, IMSA, Fórmula E, WTCR e Superbike Series Brasil. Conduz o blog A Mil Por Hora, agora no GRANDE PRÊMIO, desde 2008.

Arquivos

Categorias

Nuvem de Tags

Twitter

Reclames

Facebook

Mais reclames