Para quem não viu: 24h Series, temporada 2022 – 12h de Hockenheim

P

RIO DE JANEIRO – Segue o blog com a íntegra de corridas internacionais e vamos de 24h Series com a disputa de mais uma edição das 12h de Hockenheim.  Esse foi o quinto evento sob a responsabilidade dos holandeses da Creventic neste ano e o quarto da temporada da série.

Uma pena que o quorum para uma corrida tão longa – ainda que dividida em duas metades, como sempre acontece em território europeu por conta de restrições sonoras – tenha sido menor que o imaginado: apenas 25 carros largaram.

Mas o evento aconteceu e correu tudo bem, principalmente para as equipes clientes da Audi, que deram um sonoro 1-2-3 para os quatrargólicos. Vitória da Phoenix Racing após 377 voltas, com duas de vantagem sobre a Car Collection Motorsport, que chegou em segundo.

O bólido que recebeu a bandeirada final foi partilhado por Pierre Kaffer/Swen Herberger/Elia Erhart/Michael Dopplemayr, seguidos por Elmar Grimm/Max Edelhoff/Dr. Johannes Kirchoff.

Os lituanos da Juta Racing completaram o pódio geral com o #71 do trio Jonas Gelznis/Julius Adomavicius/Eimantas Navikauskas.

A família Breukers – Ivo, Rik e Luc – ganhou com o Porsche da Red Camel-Jordans.nl a prova na subdivisão dos novos Porsche 992, com o 5º lugar geral. Javier Morcillo e Pablo Burguera, noutro Porsche – este modificado – foram os vencedores do grupo GTX. A BBR venceu a disputa na subclasse TCR, a Maniack Racing triunfou na GT4 e a única equipe classificada – contudo sem terminar a disputa – na TCX foi a Xwift Racing, que alinhou um Ligier JS2R.

A próxima etapa será as 24h de Portimão, no Autódromo Internacional do Algarve, em julho.

Sobre o Autor

Rodrigo Mattar

Adicione um Comentário

Reclames

Perfil

Rodrigo Mattar, carioca de 49 anos. Apaixonado por automobilismo desde os nove, é jornalista especializado em esportes a motor desde 1998. Estagiou no Jornal do Brasil e numa assessoria de comunicação antes de ingressar na Rede Globo. Em 2003, foi para o SporTV, onde foi editor dos hoje extintos programas Grid Motor e Linha de Chegada. No mesmo ano, iniciou sua trajetória como comentarista, estreando numa transmissão de uma corrida de Stock Car, realizada no saudoso Autódromo de Jacarepaguá. Há sete anos, está no Fox Sports, atuando como editor responsável do programa Fox Nitro e comentarista de diversas categorias, entre as quais Rali Dakar, Nascar, MXGP, WTCC, WRC, FIA WEC, IMSA, Fórmula E, WTCR e Superbike Series Brasil. Conduz o blog A Mil Por Hora, agora no GRANDE PRÊMIO, desde 2008.

Arquivos

Categorias

Nuvem de Tags

Twitter

Reclames

Facebook

Mais reclames