MENU

16 de junho de 2015 - 13:19Blancpain GT Series Endurance

Pista cheia em Paul Ricard: 63 inscritos para os 1000 km do Blancpain Endurance Series

JL4_1817

Casa cheia: o Blancpain Endurance Series terá mais de 60 carros na pista em Paul Ricard, neste fim de semana

RIO DE JANEIRO - Overdose de Endurance para o público francês: após a disputa das 24 Horas de Le Mas no último fim de semana, é a vez do Blancpain Endurance Series atacar no circuito de Paul Ricard, em Le Castellet, para aquela que é a segunda corrida mais longa do campeonato. No próximo domingo, nada menos que 63 carros estarão no circuito de 5,791 km de extensão para uma dura batalha pela liderança nas três categorias em disputa.

Desse total, 31 inscritos compõem a lista de entradas da classe PRO CUP, a principal do BES. E desta vez, só quatro brasileiros vão estar na pista: o BMW Team Brasil decidiu levar um único carro, o #77, para  Sérgio Jimenez, Felipe Fraga – já que Valdeno Brito não pode viajar por conta de uma crise de hérnia de disco – e provavelmente Átila Abreu. Cacá Bueno, segundo informações, será julgado pela CBA por ter chamado alguém de “babaca” pelo rádio na etapa da Stock em Ribeirão Preto e pode não viajar para esta etapa.

Bruno Senna, que não correu em Silverstone em virtude de outros compromissos profissionais, volta ao volante do McLaren 650S GT3 da Von Ryan Racing – a mesma equipe que ganhou na Inglaterra. A escuderia, inclusive, confirmou o francês Nicolas Lapierre – campeão das 24h de Le Mans na classe LMP2 – que o chamou para dividir o outro carro com Kévin Estre e Rob Bell. Bruno correrá com Álvaro Parente e Adrian Quaife-Hobbs, já que Shane Van Gisbergen estará ocupado com a V8 Supercars, na Austrália.

A corrida de Paul Ricard registra também o regresso da Marc VDS Racing ao certame: o time de Marc Van der Straeten alinha uma BMW Z4 GT3 para o trio Lucas Luhr/Maxime Martin/Markus Palttala, num tour de force de respeito. Outra equipe belga, a Audi Club Team WRT, defende sua liderança na categoria: com dois segundos lugares, Robin Frijns/Laurens Vanthoor/Jean-Karl Vernay comandam a classificação com 13 pontos de vantagem para os parceiros de equipe Stéphane Ortelli/Frank Stippler. Um bom resultado é importante, posto que a prova de Paul Ricard tem pontuação diferenciada, com 33 pontos ao vencedor.

Dezenove carros compõem o plantel da PRO-AM CUP, cujos líderes são Duncan Cameron/Matt Griffin. Os dois, que também disputaram as 24h de Le Mans, terão a companhia do português Francisco Guedes na Ferrari #51 da AF Corse, exatamente pela corrida ser uma das mais exigentes do ano. Os britânicos somam 30 pontos, quatro a mais que os ganhadores da etapa de Silverstone – os conterrâneos Stuart Leonard/Michael Meadows/Paul Wilson, da Leonard Motorsport AMR, com um Aston Martin V12 Vantage.

E na classe AM CUP, que traz os restantes 13 carros do grid, a Ferrari #25 da Glorax Racing chega a Paul Ricard na liderança, graças aos 33 pontos somados pela trinca Rino Mastronardi/Andrey Birzhin/Fabio Mancini. A atração para a torcida local é a participação do ex-goleiro Fabién Barthez, campeão com a seleção francesa na Copa do Mundo de 1998. O carequinha corre também de Ferrari com a equipe AKKA-ASP, ao lado de Anthony Pons. Na etapa da Itália, a dupla chegou em 2º lugar na categoria e está em quinto na classificação do campeonato após duas etapas.

A lista completa de inscritos para Silverstone está aqui.

6 comentários

  1. Fernando Lima disse:

    Se puder disponibilizar o live streaming no blog, ficaremos gratos mais uma vez…
    Sobre a equipe brasileira, não sei o real motivo de irem com apenas o #77, mas apenas um carro diminui a possibilidade de um bom resultado.

    • Rodrigo Mattar disse:

      Fernando, não tenha dúvidas que o blog terá o streaming da corrida ao vivo.

    • Luís Felipe Bezerra disse:

      Eles estão indo com um carro só devido a custos. E tb não haveria tempo para deixar os dois carros totalmente revisados para Moscou pois os carros de lá irão para SPA para a pré temporada das 24 hrs de SPA e de lá vão direto para Moscou. O team Brasil não tem 7 carros como a WRT.

  2. Luís Felipe Bezerra disse:

    Só para atualizar. O Valdeno não irá mais para Paul pois está com uma crise de hernia de disco, no lugar dele vai o Felipe Fraga. O Cacá provavelmente também não vai, pois está sendo julgado hoje na CBA por ter chamado alguém de babaca no rádio e deve pegar um gancho. No lugar dele deve ir o Átila Abreu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>