MENU

10 de janeiro de 2016 - 10:59IMSA

Roar Before The Rolex 24: o que aconteceu no sábado…

deltawing0

O DeltaWing mostrou muita velocidade ao longo do sábado no Roar Before The Rolex 24, em Daytona (Foto: John Dagys/Sportscar365.com)

RIO DE JANEIRO - Três sessões de ensaios marcaram o sábado de atividades no Daytona International Speedway, no segundo dia do Roar Before The Rolex 24. Cada uma delas com um carro diferente no topo da folha de tempos: a sessão noturna teve o Ligier JS P2 HPD, com Olivier Pla na volta mais rápida da atividade, marcando o melhor tempo. Mas a surpresa foi ver o DeltaWing, em seu último ano de atividade nas pistas, já que não será aceito pelo novo regulamento a partir de 2017, liderar a sessão que abriu os trabalhos na Flórida.

O carro #0 de Katherine Legge/Sean Rayhall/Andy Meyrick/Andreas Wirth foi o mais rápido com a marca de 1’40″137, apenas 0″045 melhor que o Ligier da Michael Shank Racing e pouco mais de seis décimos à frente do Mazda de Jonathan Bomarito/Tristan Nunez/Spencer Pigot. A Starworks fez o melhor tempo do primeiro treino do sábado com o #88 de Mark Kvamme/Sean Johnston/Maro Engel/Felix Rosenqvist marcando 1’43″175, enquanto o Corvette de Antonio Garcia/Jan Magnussen/Mike Rockenfeller virou em 1’45″256 – apenas 0″017 melhor que um dos novos Ford GT – para marcar a melhor passagem entre os GTLM. Na GTD, deu Lamborghini: o Huracán #28 da Konrad, com Rolf Ineichen/Lance Willsey/Franz Konrad/Fabio Babini/Marc Basseng, cravou 1’48″553, apenas seis milésimos melhor que o carro gêmeo da Change Racing.

À tarde, o Corvette DP dos irmãos Taylor e de Max Angelelli disse finalmente ao que veio: o carro #10 foi o mais rápido com 1’40″032 e a surpresa foi o segundo lugar do Mazda SDR-14, com Spencer Pigot superado por apenas 0″023. O Ligier JS P2 HPD da Tequila Patrón ESM, que tem entre os pilotos o brasileiro Pipo Derani, estabeleceu o terceiro melhor tempo da sessão, com o #60 da MSR em quarto e o Corvette DP dos bicampeões João Barbosa e Christian Fittipaldi – reforçados por Scott Pruett e Filipe Albuquerque – em quinto.

Tom Kimber-Smith fez o melhor tempo da Prototype Challenge à tarde, no #52 da PR1/Mathiasen Motorsports, rodando em 1’43″261, apenas um décimo à frente do carro de Marc Drumwright/Brian Alder/Lucas Auer/Johnny Mowlem. Alessandro Pier Guidi estabeleceu a melhor marca da GTLM com a nova Ferrari F488 GTB, com 1’45″266, somente 0″003 melhor que o Ford GT de Stefan Mücke/Richard Westbrook/Ryan Briscoe. Na GTD, o tempo mais rápido foi – de novo – do Lamborghini #28 da Konrad, com Fabio Babini virando 1’48″309, quase um décimo de segundo abaixo do Dodge Viper #33 da Riley Motorsports.

No treino noturno, com a pista mais fria e melhor pressão aerodinâmica nos carros, logicamente foi cravado o melhor tempo do dia. Pla estabeleceu 1’39″687 e o surpreendente DeltaWing foi, além do Ligier da MSR, o único carro a também virar abaixo de 1’40″ sob luz artificial. A Starworks voltou a marcar o melhor tempo entre os PC – desta vez com o #8 de Renger Van der Zande/Chris Cumming/Alex Popow/Jack Hawskworth, em 1’43″291.

Quem apareceu bem foi a nova BMW M6 GTLM: o carro #25 do brasileiro Augusto Farfus, mais Bruno Spengler, Bill Auberlen e Dirk Werner, ficou à frente da concorrência na GTLM – 1’45″510, 0″083 melhor que o Ford GT de Joey Hand/Dirk Müller/Sébastien Bourdais. Aliás, os Ford GT têm impressionado pela consistência dos seus desempenhos nos testes coletivos em Daytona. Se tiverem durabilidade, incomodarão – e muito – já na primeira prova do ano.

lamborghini48

Novidade do IWSC: o Lamborghini Huracán é a sensação dos treinos em Daytona na classe GTD, com o #48 da Paul Miller Racing marcando o melhor tempo do sábado

E na GTD, mais uma vez deu Lambo Huracán, só que à noite foi o #48 da Paul Miller Racing que deu as cartas ao virar em 1’48″230 – o melhor tempo da categoria no sábado, graças ao veloz piloto italiano Mirko Bortolotti. A Ferrari #51 da Spirit of Race ficou em segundo, seguida do Lamborghini #11 da O’Gara Motorsport e do novo Audi R8 LMS da Magnus Racing.

Os carros voltam à pista neste domingo para mais dois treinos em Daytona – um pela manhã e outro, à tarde, encerrando assim a pré-temporada do IMSA Weather Tech SportsCar Championship. As 24h de Daytona, que abrem a temporada 2016 do IWSC, serão disputadas nos dias 30 e 31.

6 comentários

  1. Fernando Lima disse:

    Esses primeiros testes coletivos mostram uma coisa muito importante: O equilíbrio entre os carros em praticamente todas as classes, ainda que na GTD a Lambor parece estar um pouco à frente.
    Também acho que a Ford optou por fazer um carro bom para as corridas, não propriamente para a classificação, poré, com um desempenho suficiente para figurar sempre entre os primeiros na folha de tempos da GTE.
    Estive vendo no Youtube alguns vídeos que já estão rolando destes treinos…Ford GT e Lambor Huracan são sem dúvida os mais belos carros da pista.

  2. Leandro Giannetti disse:

    Rodrigo, não existe nenhuma outra categoria que possa incluir o DeltaWing? Acho muito bacana o projeto.

  3. Ricardo Divila disse:

    Bom comeco de ano, estou com a Lambo n.28 da Conrad em GTD, e facil P1…
    Terminamos o treino sabado a noite, nao participando do domingo pois em direcao a Dubai para as 24 horas, sexta que vem, tambem com o Babini.
    Agora em transito por Washington, vejo que a BMW virou mais rapido hoje na area de 1’44, penso que o grupo GTD estarao todos por ai fora surpresas do BOP ate a corrida. Viramos o tempo tao facil que ha uma forte possibilidada que os Huragan tenham restritores menores e tambem capacidade de tanque reduzidos. como sempre a IMSA vai notificar todo o mundo na ultima hora.
    Abracos , mais noticias em breve de Dubai.

    • Rodrigo Mattar disse:

      Opa! Muito bom ver você sempre na ativa, Ricardo. Mande notícias de Dubai. Estamos ansiosos pra saber se vocês vão andar bem por lá. Bom trabalho! Abração!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>