MENU

14 de maio de 2017 - 18:07Blancpain Endurance Series

Grässer segue imbatível no Blancpain GT

timthumb (1)

Segue o baile: Christian Englehart/Mirko Bortolotti/Andrea Caldarelli mantém a GRT Grässer Racing Team absolutamente imbatível nas séries Blancpain

RIO DE JANEIRO - A temporada do Blancpain GT, que engloba as séries Sprint e Endurance, assiste ao domínio absoluto da equipe austríaca GRT Grässer Racing Team. Foram quatro corridas e quatro vitórias do Lamborghini Huracán verde com o numeral #63.

Dessa vez, o carro guiado por Christian Englehart/Mirko Bortolotti/Andrea Caldarelli contou com um ótimo pit stop para vencer as 3h de Silverstone, segunda prova do certame de Endurance – só que não foi fácil: a Mercedes-AMG GT3 da HTP Motorsport guiada por Maximilian Buhk/Franck Perera/Jimmy Eriksson por apenas 0″344 ao final de uma disputa que teve 83 voltas completadas.

Outra Mercedes-AMG GT3, esta alinhada pelo Team AKKA-ASP para Michael Meadows/Raffaele Marciello/Edoardo Mortara, liderou boa parte da disputa, mas após a última parada de box acabou relegada ao 3º posto na geral. Já o outro carro da equipe francesa, que conquistou a pole position e tinha a bordo Felix Serralles/Dani Juncadella/Tristan Vautier, acabou alijado da batalha por conta de um pênalti de um minuto por alegada queima de largada.

Na divisão Pro-Am, o outro carro da AKKA-ASP, o #87 de Nico Bastian/Jules Gounon/Jean-Luc Bèaubelique travou um ótimo duelo pela dianteira com a Ferrari #333 da Rinaldi Racing guiada por Daniel Kellwitz/Rinat Salikhov/Alexander Matschull. Mas este último carro primeiro levou uma penalidade por excesso de velocidade nos boxes durante um pit stop e depois foi sacado da disputa com a direção de prova dando bandeira preta – por não terem cumprido o drive-through.

Assim, o Lamborghini Huracán guiado da Barwell Motorsport guiado por Adrian Amstutz/Patrick Kujala/Martin Kodric levou os pontos da vitória na classe em Silverstone, com o 20º posto na classificação geral. Vencedora na divisão em Monza, a Oman Racing Team chegou em 2º e o Team AKKA-ASP ficou com o terceiro posto.

A Rinaldi Racing não ficou a ver navios com a desclassificação do carro #333: Pierre Ehret/Rino Mastronardi triufaram na classe Am, levando o carro do time ao 35º lugar na geral. Marco Zanuttini/Jacques Duyver/David Perel ficaram com a segunda posição e a Walkenhorst Motorsport completou o pódio da divisão.

No dia 24 de junho, a série de Endurance do Blancpain GT disputa a 3ª etapa – os 1000 km de Paul Ricard. Antes, a série Sprint terá mais uma etapa em Zolder, na Bélgica.

3 comentários

  1. Lui disse:

    Rodrigo, a primeira etapa em Misano foi ganha pelo Mercedes #84 com Buhk e Perera, o Lambo #63 ficou em nono nesta corrida. Mas não deixa de ser incrível o começo de campeonato do #63, ainda mais levando em consideração a quantidade de carros e equipes competitivas participando.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>