MENU

16 de janeiro de 2018 - 15:52Rali

WRC: 68 carros anunciados para o Rali de Monte-Carlo

Visuel_WRC2018_web-1-683x1024

RIO DE JANEIRO - O Campeonato Mundial de Rali (WRC) larga no próximo dia 25 para o início da temporada 2018, com um de seus eventos mais tradicionais: o Rali de Monte-Carlo será realizado pela 86ª vez em sua história, com especiais noturnas – estão previstas duas na quinta-feira de abertura do evento – e um total de 17 trechos cronometrados em 388,59 km previstos, com o parque de serviço mais uma vez montado em Gap, nos Alpes Franceses.

De acordo com o Automóvel Clube de Mônaco (ACM), o total de carros aptos a largar é de 68. Um número de participantes menor que na última edição, quando o evento contou com 75 inscritos.

O que não muda é o número #1 da lista: Sébastien Ogier e seu navegador Julien Ingrassia seguem na equipe M-Sport na busca do hexacampeonato mundial. Com um detalhe importante – o apoio da Ford ao projeto da equipe de Malcolm Wilson aumentou em caráter exponencial, o que confere credibilidade à empreitada. Elfyn Evans será o número dois do time e pelo menos em Monte-Carlo o especialista Bryan Bouffier vai guiar o terceiro carro em dupla com Jèrome Degout.

A Hyundai terá três carros na primeira etapa, com o construtor sul-coreano dividindo sua força-tarefa. Dani Sordo e Hayden Paddon estarão em sete provas cada e em Monte-Carlo quem larga é o espanhol. Andreas Mikkelsen e o vice-campeão Thierry Neuville serão os pilotos de todo o campeonato. Não está descartada a possibilidade de eventuais inscrições de quatro carros em alguns eventos do WRC.

Na Toyota, a novidade é a estreia de Ott Tänak e seu navegador Martin Jarvejoja, no carro #8, enquanto Esapekka Lappi vai disputar a temporada completa pela montadora japonesa com sede esportiva em Colônia, na Alemanha. A Citroën terá um programa restrito direcionado a alguns pilotos – com direito até ao retorno de Sébastien Loeb em três eventos – e num primeiro momento, competirá com apenas dois C3 WRC para Kris Meeke/Paul Nagle e Craig Breen/Scott Martin. Os franceses perderam Yves Matton para a FIA: o chefão foi designado o novo diretor de Ralis da entidade máxima do desporto automobilístico.

O WRC2 terá seis carros apenas em Monte-Carlo, com Eric Camilli e Teemu Sunninen representando a M-Sport Ford, enquanto Jan Kopecky alinhará o único Skoda Fabia e Kevin Abbring inscreveu um Ford Fiesta particular, a exemplo do belga Guillaume De Mevius e do italiano Eddie Sciessere. Na divisão júnior WRC3, apenas quatro duplas confirmadas na primeira etapa da temporada. Em 2017, foram nove os inscritos.

Os demais se alternam entre os competidores da subclasse RGT e os restantes inscritos, que estão aptos a pontuar na classificação final entre os dez primeiros colocados. Entre eles, o francês Stéphane Sarrazin, que alinha um Hyundai i20 particular em dupla com Jacques-Julien Rennucci.

A lista completa está AQUI.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>