MENU

28 de maio de 2014 - 11:37Super GT

A defesa da liderança

12# CALSONIC IMPUL GT-R 2014 @ Fuji2

Líderes com 31 pontos após a vitória em Fuji, João Paulo de Oliveira e Hironobu Yasuda têm missão complicada em Autopolis no Super GT japonês

RIO DE JANEIRO – Neste domingo, o piloto brasileiro João Paulo de Oliveira parte para mais um desafio na temporada 2014 do Super GT, o Campeonato Japonês de Grã-Turismo. A bordo do Nissan azul #12 da equipe Calsonic Impul, Oribeira tenta defender a liderança na pontuação no circuito de Autopolis, na região de Kyushu.

Com 31 pontos, cinco a mais que Daisuke Ito/Andrea Caldarelli, Oliveira e seu parceiro Hironobu Yasuda terão uma difícil missão. O carro vai levar 62 kg adicionais, o chamado Troféu Bigorna, por conta da vitória nos 500 km de Fuji e do bom resultado na abertura da temporada em Okayama. Quanto mais pesado o bólido, maiores as dificuldades de acerto e o compromisso com o desgaste de pneus, embora seja uma prova relativamente curta, com 300 km de extensão. Nada que seja novo para João Paulo, acostumado com esse tipo de situação.

Outros carros que vão muito carregados de lastro para Autopolis são os Lexus de Ito/Caldarelli e também de Kazuya Oshima/Yuji Kunimoto, com 52 kg extras cada. O único dos 15 carros inscritos da GT500 não lastreado é o Honda da dupla Daisuke Nakajima/Bertrand Baguette, que ainda não marcou ponto algum nas duas primeiras provas do certame.

A corrida terá a ausência de Kazuki Nakajima, envolvido com o preparo da Toyota para as 24 Horas de Le Mans. O piloto japonês participa do Journée Test neste domingo e em seu lugar no #36 do Team Tom’s anda Ryo Hirakawa, ao lado de James Rossiter. Em contrapartida, mesmo inscritos para a prova de Sarthe daqui a duas semanas, Oliver Jarvis e Satoshi Motoyama não poderão deixar o Super GT de lado.

Na classe GT300, com duas vitórias, Nobuteru Taniguchi/Tetsuya Kataoka chegam a Autopolis com um raro aproveitamento de 100%. E isso custará caro à dupla do Team Ukyo: a BMW Z4 deles estará lastreada com 80 kg adicionais. Tudo para impedir que o carro #4 chegue à terceira conquista no campeonato. Bem menos pesado (52 kg extras), o Mercedes SLS AMG GT3 de Björn Wirdheim/Katsuyuki Hiranaka é outro que pode incomodar os líderes da competição.

Também inscrito em Le Mans, o espanhol Lucas Ordonez vai cumprir seu compromisso com a equipe NDDP Racing e disputar a etapa de Autopolis. Ele e seu parceiro Kazuki Hoshino estão em quarto lugar com 14 pontos somados. A corrida marca também o regresso de André Couto às pistas, com um Porsche da Pacific Racing. Kyosuke Mineo foi requisitado também pela escuderia KTR e volta para competir ao lado de Akihiro Tsuzuki no carro #33.

A lista de inscritos da GT500 está aqui e a da GT300, aqui.

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *