GP às 10: Fênix McLaren

G

RIO DE JANEIRO – Mais um GP às 10 que gravei para esta quinzena. Não costumo falar normalmente de Fórmula 1, mas desta vez abro uma exceção para tratar da McLaren – a equipe inglesa tem feito um ano sólido, graças a Carlos Sainz e Lando Norris, sem contar as mudanças estruturais das quais fazem parte o CEO Zak Brown, o diretor esportivo Gil de Ferran e as peças que vieram para suprir as falhas do passado: o diretor técnico James Key e o Team Principal Andreas Seidl.

Como disse no vídeo, tomara que a McLaren se reerga.

Sobre o Autor

Rodrigo Mattar

3 Comentários

  • E, ainda, diz-se que a unidade de força da Renault, em configuração de plena potência, tem cerca de 45hp a menos do que as da Mercedes e da Ferrari e 10hp a menos do que as da Honda, o que faz o feito da McLaren de conseguir andar perto do bolo da frente ainda mais notável.

Por Rodrigo Mattar

Reclames

Perfil

Rodrigo Mattar, carioca de 49 anos. Apaixonado por automobilismo desde os nove, é jornalista especializado em esportes a motor desde 1998. Estagiou no Jornal do Brasil e numa assessoria de comunicação antes de ingressar na Rede Globo. Em 2003, foi para o SporTV, onde foi editor dos hoje extintos programas Grid Motor e Linha de Chegada. No mesmo ano, iniciou sua trajetória como comentarista, estreando numa transmissão de uma corrida de Stock Car, realizada no saudoso Autódromo de Jacarepaguá. Há sete anos, está no Fox Sports, atuando como editor responsável do programa Fox Nitro e comentarista de diversas categorias, entre as quais Rali Dakar, Nascar, MXGP, WTCC, WRC, FIA WEC, IMSA, Fórmula E, WTCR e Superbike Series Brasil. Conduz o blog A Mil Por Hora, agora no GRANDE PRÊMIO, desde 2008.

Arquivos

Categorias

Nuvem de Tags

Twitter

Reclames

Facebook

Mais reclames