MENU

29 de novembro de 2017 - 16:10IMSA Weather Tech SportsCar Championship

Vermelhos na IMSA

DPwpcoJU8AE7Nbx

O Mazda Team Joest vai ter a pintura ‘Soul Red Crystal’ em seus protótipos DPi na temporada 2018 da IMSA (Foto: Mazda Team Joest/Divulgação)

RIO DE JANEIRO - Quarta-feira de definições e de apresentações para a temporada 2018 do IMSA Weather Tech SportsCar Championship. A classe Prototype terá pelo menos mais três carros com aplicações de vermelho em suas programações visuais – além do #31 da Whelen Engineering que terá a bordo o brasileiro Felipe Nasr.

Há pouco, quem revelou seu layout foi o Mazda Team Joest. Os dois bólidos da equipe alemã, que neste ano assume o programa do construtor japonês para o desenvolvimento de dois protótipos Daytona Prototype International (DPi), vão de ‘Soul Red Crystal’, de acordo com o que foi divulgado na mídia internacional. As formações ainda não estão definidas para 2018 nos carros #55 e #77, mas a equipe terá caras novas – anunciadas ontem – os britânicos Oliver Jarvis e Harry Tincknell vão dividir a equipe com Jonathan Bomarito e Tristan Nuñez.

DP0HcabWkAAUfSq

O chassis Oreca 07 foi o escolhido pela Performance Tech em sua primeira campanha na classe principal da IMSA (Foto: Auto Hebdo/Reprodução)

Mais cedo, foi a vez da Performance Tech Motorsports apresentar não só o visual como também seu novo bólido. Após especulações envolvendo a Dallara e também o Ligier, a equipe de Brent O’Neill optou por alinhar o chassi Oreca 07 LMP2 que terá o motor Gibson GK428 4,2 litros V8 e ECU padrão desenvolvida pela Cosworth.

Campeã da última temporada da classe Prototype Challenge, a escuderia também confirmou James French/Pato O’Ward como os pilotos titulares para sua primeira campanha na divisão principal da IMSA, enquanto Kyle Masson está garantido nas quatro provas do Tequila Patrón North American Endurance Cup.

7 comentários

  1. Felipe disse:

    A classe P está incrível! Estou ansioso para a divulgação da lista GTD; agora que o C7 GT3-R vai competir no PWC, gostaria de vê-lo na IMSA.

  2. Fernando Silva disse:

    Ao que parece os Cadillac DPI terão uma vida bem mais difícil na temporada 2018…vai ser imperdível…
    Só uma curiosidade…o Harry Tincknell , que é piloto da LMGTE Pro na Chip Ganassi/Ford, participará apenas das provas longas ou será full seasion?? Pergunto porque, se a Chip Ganassi repetir o que fez no ano passado, quando trouxe as duplas do WEC para as 24h de Daytona, ele será um desfalque…não surgiria ai uma vaguinha para o Daniel Serra??

    • Rodrigo Mattar disse:

      Tincknell será piloto titular da Mazda Team Joest sim. Só não disputará a etapa de Mid-Ohio porque coincide com as 6h de Spa-Francorchamps. De resto…

  3. fernando disse:

    Ainda sem noticias da Spirit of Daytona? eles estavam pra fechar ser o 4º Caddy mas até agora parece q nada,

    PR1/Mathiassen e Starworks parece q estão em difiiculdades também, uma pena.

    • Rodrigo Mattar disse:

      Sim, Fernando. Sem previsão por enquanto. Como perderam o principal piloto, talvez não estejam mais motivados.

      A Starworks eu não esperava. A PR1/Mathiasen ficar fora será uma lástima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>