MENU

27 de novembro de 2019 - 09:51Rali

Mudança radical

Positivo: Tommi Mäkinen (de preto) posa ao lado dos novos contratados – Elfyn Evans, Sébastien Ogier e a promessa finlandesa Kalle Rovanperä. Eles formam com seus respectivos navegadores o renovado lineup da Toyota no WRC 2020

RIO DE JANEIRO – Anunciado hoje o que já se sabia nos bastidores: a Toyota terá uma mudança radical em seu lineup de pilotos para a temporada 2020 do Campeonato Mundial de Rali (WRC).

Essa mudança é motivada por vários fatores, entre os quais a saída-bomba de Ott Tänak para a Hyundai, mesclada com a insatisfação do chefão Tommi Mäkinen e até de Sébastien Ogier com a Citroën – que provocou inclusive a saída da marca francesa, antes do previsto.

Tommi, além do dissabor de perder seu melhor piloto, não estava nem um pouquinho feliz com o que (não) vinham fazendo seus outros dois contratados – Jari-Matti Latvala e Kris Meeke.

Botou na balança a inconsistência de ambos e a falta de resultados (com alguns acidentes de recheio) que entregaram o título mundial de Construtores à Hyundai – e cabe lembrar que a Toyota brigava pelo bicampeonato. Como efeito, foi mostrada a ambos a porta da rua.

E para combater Tänak (além de Thierry Neuville) na Hyundai, sabedora da insatisfação de Ogier com as performances do modelo C3 da Citroën, Mäkinen mandou buscar o francês, para que ele lute pelo hepta em nova casa, naquela que deve ser sua última temporada na modalidade.

Como escudeiros, Sébastien terá o confiável galês Elfyn Evans e a promessa finlandesa Kalle Rovanperä, novo campeão mundial da classe WRC2 Pro. Com apenas 19 anos, o nórdico é uma aposta pessoal de Tommi Mäkinen. Evans é um velho conhecido de Ogier: descontado o cacoete de guiar de boca aberta, o grandalhão é do ramo.

Assim, os três Toyota Yaris WRC terão, em 2020, um lineup completamente renovado: Sébastien Ogier/Julien Ingrassia como a principal força, Elfyn Evans/Scott Martin no segundo carro e, para aprender e por que não surpreender, Kalle Rovanperä/Jonne Halttunen.

Compartilhar

5 comentários

  1. ALLAN PEREIRA GUIMARAES disse:

    Mal comparando, acho Neuville uma espécie de Dovizioso (ou este é daquele). Mas torço para que o “4 olhos” (como eu) vingue no máximo, merece um título (assim como Dovi)

  2. Marcos Soares disse:

    Lembrando do Japonês no quarto carro da equipe

  3. Vinicius disse:

    Kalle Rovanperä por algum acaso é filho do ex-piloto de rallies Harri Rovanperä?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *