MENU

4 de novembro de 2017 - 11:30Mundial de Endurance

6h de Xangai: Kobayashi voa e garante pole para a Toyota

7_Toyota_WEC_Shanghai_2017_Practice_3

Flying lap: Kamui Kobayashi encaixou uma volta perfeita e deu à Toyota a pole position para as 6 Horas de Xangai

RIO DE JANEIRO - Ao menos no campeonato de construtores, a Toyota tenta de todas as formas adiar o título da Porsche. E os japoneses conseguiram uma importante pole position para a disputa das 6h de Xangai, que acontece neste domingo na China. Tudo graças a um belo trabalho de Mike Conway e Kamui Kobayashi, responsáveis pelo melhor tempo do grid.

Com uma volta espetacular em 1’42″526, somada ao tempo de Conway, “Kobazilla” levou o carro #7 à conquista de mais uma pole, o que não acontecia desde a prova de Nürburgring para os nipônicos. Só não fizeram o 1-2 do grid porque Nick Tandy e Andre Lotterer não deixaram – com o britânico marcando a melhor volta da dupla no qualifying e sendo, além de Kobayashi, o único piloto a virar abaixo de 1’43″, só que a quatro décimos do rival, o que dá uma medida do quanto o japonês foi rápido…

Anthony Davidson e Sébastien Buemi classificaram o outro Toyota TS050 Hybrid com a 3ª posição do grid e tanto o narigudo suíço quanto Kazuki Nakajima ainda têm esperanças remotas de adiar o inevitável título da trinca Brendon Hartley/Earl Bamber/Timo Bernhard, que lideram a classificação com 39 pontos, faltando duas corridas para o término do FIA WEC. Na classificação de hoje, Bamber não teve o mesmo ritmo do compatriota Hartley, perdendo nove décimos, o que foi decisivo para que ficassem com o quarto lugar no grid.

31_Rebellion_Oreca_WEC_Shanghai_2017_Qualifying

Bruno Senna alcançou uma importante pole na disputa pelo título da LMP2 contra os rivais da Jackie Chan DC Racing

Na LMP2, os brasileiros mais uma vez fizeram um ótimo trabalho e Bruno Senna, junto a Julien Canal, conquistou uma importante pole position, baixando para nove pontos a diferença em relação aos líderes. Bruno fez a melhor volta entre os pilotos da categoria com 1’48″509 e a média de 1’49″217 foi a melhor dentre todos os nove carros inscritos no grid.

Nelsinho Piquet foi tão bem quanto Senna ao conduzir o #13 da Vaillante Rebellion em suas voltas de classificação, só que o dinamarquês David Heinemeier-Hänsson não fez uma volta tão boa quanto a do brasileiro – que virou em 1’48″984. E com a média de 1’49″694, acabaram ficando com a 3ª colocação da categoria e o sétimo posto geral. Destaque para o ótimo segundo lugar alcançado por Léo Roussel e Nico Müller na estreia de ambos pela G-Drive Racing.

Com Oliver Jarvis e Thomas Laurent a bordo, a Jackie Chan DC Racing salvou o quarto posto no grid com o carro #38, enquanto Nicolas Lapierre e o brasileiro André Negrão ficaram com o 5º lugar a bordo do #36 da Signatech-Alpine Matmut.

Já entre os LMGTE-PRO, a boa surpresa foi a Aston Martin, que na sexta-feira dava pinta de que iria fazer número e acabou sacando do colete o ponto extra da pole position graças ao “Dane Train” de Nicki Thiim e Marco Sørensen, com a média de 1’59″697, batendo por quase três décimos a dupla da Porsche formada por Kévin Estre e Michael Christensen – que no treino oficial foi o mais rápido dentre todos os pilotos de sua categoria.

Líder do campeonato, a Ferrari #51 de Alessandro Pier Guidi/James Calado ficou com a terceira posição do grid em sua classe, seguida pelos dois Ford GT EcoBoost e pelo outro carro da AF Corse. Richard Lietz/Fred Makowiecki, que estão a cinco pontos da dupla que comanda a classificação, não foram bem e ficaram com o 7º tempo.

98_Aston_Martin_WEC_Shanghai_2017_Qualifying

Mais uma pole para a Aston Martin na LMGTE-AM

A Aston Martin também fez a festa na LMGTE-AM, com mais uma boa performance do português Pedro Lamy e do canadense Paul Dalla Lana. Com a média de 2’02″357, o carro #98 superou com alguma facilidade o Porsche #77 da Dempsey Racing-Proton e a Ferrari #54 da Spirit of Race, vencedora da classe nas 6h de Fuji.

A disputa das 6h de Xangai começa à 1h da manhã (hora de Brasília). Para acompanhar ao vivo, apenas no site oficial do WEC com streaming pago. O Fox Sports 2 exibe durante a semana os highlights da corrida chinesa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>