MENU

8 de novembro de 2013 - 12:39Mundial de Endurance

WEC, 6h de Xangai: Toyota surpreende e faz a pole position

2013-6-Heures-de-Shanghai-6-HEURES-DU-SHANGHAI-00413811312.JPG_hd

RIO DE JANEIRO – Surpresa em Xangai: a Toyota conquistou neste início de manhã para nós, brasileiros, a pole position para a 7ª e penúltima etapa do Mundial de Endurance (WEC). Com um desempenho mais consistente dos pilotos Alex Wurz e Nicolas Lapierre, a montadora japonesa repete o feito do ano passado – quando também largou na frente na China – e bate a Audi em qualificação pela primeira vez em 2013.

A média das quatro melhores voltas dos dois pilotos foi de 1’48″013, 0″089 mais baixa que a do carro #1 da Audi, guiado no treino oficial por Marcel Fässler e Bénoit Tréluyer. Em terceiro, larga o outro Toyota, conduzido no qualifying por Stéphane Sarrazin e Sébastien Buemi, com a média de voltas em 1’48″694, seguido pelo Audi #2 dos líderes do campeonato. Tom Kristensen/Allan McNish/Loïc Duval, que podem ser campeões neste fim de semana, largam em quarto.

Sem nenhuma concorrência entre os LMP1 não oficiais, mais uma vez a Rebellion abre a terceira fila do grid, com um tempo médio 3″191 mais lento que a pole position, no que não se constitui em nenhuma surpresa.

Já na LMP2, a G-Drive Racing continua em excelente fase, cravando a terceira pole nas últimas quatro corridas. John Martin e Mike Conway puseram o Oreca #26 na pole da classe e em 6º lugar no grid, com a média de 1’55″423, mais de sete décimos abaixo do OAK Morgan Nissan #24 guiado por Alex Brundle e Olivier Pla. Os dois tiveram muito trabalho para tirar a segunda posição da classe do Zytek Z11SN Nissan da Greaves Motorsport, com excelente performance do estreante russo Mark Shulzhistkiy ao lado do experiente sueco Björn Wirdheim na qualificação.

A Aston Martin voltou a dominar na LMGTE-PRO, cravando 1-2 na principal categoria de Grã-Turismo: o #97 de Stefan Mücke/Darren Turner ficou com a melhor média de quatro voltas rápidas na qualificação, em 2’04″370, a apenas 0″019 do #99 guiado por Bruno Senna e pelo neozelandês Richie Stanaway, mais uma vez muito rápido num treino oficial do WEC. O Team Manthey, com um dos Porsche oficiais, ficou com o terceiro posto do grupo, graças a Marc Lieb/Richard Lietz, seguidos por Toni Vilander/Kamui Kobayashi na Ferrari #71 da AF Corse.

Na LMGTE-AM, o construtor britânico também repetiu as boas performances das outras corridas e ficou na frente da concorrência, graças a Nicki Thiim e Christoffer Nygaard. A dupla nórdica marcou a média de 2’05″903 e o resultado foi ainda mais apertado que na divisão dos pilotos de ponta – 0″015 separaram o #95 da Ferrari guiada por Matt Griffin e Marco Cioci. O #81 de Rui Águas e Davide Rigon completou os três primeiros.

O Corvette #50 da Larbre Competition, onde corre o brasileiro Fernando Rees, mais uma vez ficou devendo. Com a média de 2’07″669, o “trovão” larga da última posição, dividindo o fim da raia com a Ferrari #57 da Krohn Racing.

As 6h de Xangai têm largada prevista para a 1h da manhã, horário de Brasília. E vocês poderão acompanhhá-la AO VIVO via live streaming aqui no blog. Fiquem ligados!

Compartilhar

3 comentários

  1. Jefferson Costa disse:

    Pelo que o treino ofereceu, parece que não será aquele domínio supremo da Audi. Mas na questão corrida, aí é ver para crer.

  2. Ricardo Divila disse:

    Mark Schultzinsky, que esta com a Greaves e mais um dos novos graduados da GT Academy. Notar que e a primeira vez que andou no seco com um LMP2, tendo apenas testado em Snetterton sobre chuva antes de ir para a China. Otimo trabalho, ficarama 0.009 seg do segundo lugar. De esperar, fizemos um otimo ano em GT.
    Abracos
    Ricardo

  3. Alan Ruggero disse:

    Puts, começa a 01:00. Devo assistir a largada e pegar no sono em seguida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *